Educação

O UNICEF trabalha em parceria com governos, organizações sociais e toda a população para enfrentar os desafios da educação e garantir o direito de aprender de cada criança e adolescente, sem exceção.

Menino que usa cadeira de rodas assiste à aula em escola regular
UNICEF/BRZ/Ratão Diniz

Situação no Brasil

O acesso à escola começou a ser universalizado no Brasil na década de 1990. De lá para cá, o País incluiu a maioria das crianças e dos adolescentes na escola e investiu na garantia do direito de aprender.

Os avanços, no entanto, não chegaram a todos. Embora o percentual de estudantes na escola cresça, a exclusão escolar persiste. Em 2015, 2,8 milhões de crianças e adolescentes de 4 a 17 anos estavam fora da escola no Brasil. A exclusão afeta principalmente as camadas mais vulneráveis da população, já privadas de outros direitos.

Além do desafio de acesso escolar, há quem esteja na escola sem aprender. O sistema de educação brasileiro não tem sido capaz de garantir oportunidades de aprendizagem a todos. Muitos meninos e meninas são deixados para trás. Ao ser reprovados diversas vezes, saem da escola. Em 2017, 7,2 milhões das crianças e dos adolescentes que estavam na escola tinham dois ou mais anos de atraso escolar.

Por trás dessas situações, estão problemas complexos. Falta conexão entre o que é ensinado e a realidade dos estudantes. Crianças e adolescentes, pobres, LGBT, com deficiência – entre outros –, sofrem com a discriminação. A gravidez na adolescência e a necessidade de trabalhar também afastam muitos estudantes da escola. Esses e outros fatores levam ao cenário atual de exclusão e vulnerabilidade.

infográfico com dados de educação
infográfico com dados de educação

Principais iniciativas do UNICEF no Brasil

Busca Ativa Escolar
Busca Ativa Escolar é uma plataforma e tecnologia social inovadora para ajudar Estados e municípios a identificar crianças e adolescentes fora da escola e tomar as medidas necessárias para garantir a matrícula e a permanência de cada um deles na escola, aprendendo. Saiba mais: buscaativaescolar.org.br

Trajetórias de Sucesso Escolar
A estratégia Trajetórias de Sucesso Escolar visa contribuir com as escolas públicas na construção de boas práticas para que estudantes que estão matriculados na escola, mas em atraso escolar, consigam superar desafios e alcançar o sucesso nas salas de aula. Saiba mais: trajetoriaescolar.org.br

Globo Educação
Com o objetivo de engajar a sociedade e colocar a educação como prioridade, o UNICEF é parceiro da Rede Globo e da Fundação Roberto Marinho no Globo Educação. A proposta é incluir desafios e conquistas da Educação na pauta do jornalismo e do entretenimento da Globo, mobilizando milhões de brasileiros.

Prêmio Itaú-UNICEF
O Prêmio Itaú-UNICEF busca identificar, reconhecer e estimular parcerias entre organizações da sociedade civil e escolas públicas para o desenvolvimento de projetos de educação integral. Saiba mais: www.educacaoeparticipacao.org.br/premio-itau-unicef

Portas Abertas para a Inclusão
Lançado em 2012, o Portas Abertas tem como objetivo formar educadores de diversas regiões do Brasil para incluir meninas e meninos com deficiência nas aulas de Educação Física, por meio de práticas esportivas que envolvam todos os estudantes.

Qualidade na Educação
Desde 2003, a Ação Educativa, com apoio do UNICEF e do MEC, desenvolve um conjunto de dimensões e indicadores para que escolas avaliem de forma participativa o atendimento educacional e construam propostas para melhoria da educação. A coleção Indicadores da Qualidade na Educação (Indique) – desenvolvida com a colaboração de diversas organizações atuantes no campo educacional – é composta por quatro volumes: Indicadores da Qualidade na Educação Infantil, Indicadores da Qualidade no Ensino Fundamental, Indicadores da Qualidade no Ensino Médio e Indicadores da Qualidade na Educação – Relações Raciais na Escola.

Duas adolescentes a caminho da escola
UNICEF/BRZ/Ratão Diniz

ALGUNS RESULTADOS

  • Mais de 2.000 municípios já implementaram a Busca Ativa Escolar.
  • 91.954 estudantes com e sem deficiência participam de aulas de Educação Física seguras e inclusivas.
  • 19.056 crianças e adolescentes são beneficiados por projetos de educação integral premiados.
  • Em um ano, 60 reportagens, 66 cenas de novela e cinco campanhas de televisão foram veiculadas na Rede Globo, impactando milhões de brasileiros.

O QUE MAIS PLANEJAMOS FAZER

  • Engajar mais municípios na Busca Ativa Escolar, para levar mais meninos e meninas para a escola.
  • Ampliar o repertório de boas práticas das escolas públicas, para que mais crianças e adolescentes em atraso alcancem o sucesso escolar.
  • Aumentar a participação de crianças e adolescentes no desenvolvimento de propostas para o uso de tecnologias nas escolas.
  • Desenvolver propostas para incluir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável nos currículos escolares.

Publicações

Você também pode ajudar o UNICEF em suas ações.