Prevenção da obesidade

O UNICEF investe na prevenção de sobrepeso e obesidade em crianças e adolescentes. Entre as ações, está a criação de materiais informativos sobre alimentação saudável.

menina mostra a horta do seu colégio
UNICEF/BRZ/Luiz Marques

O Brasil enfrenta uma grande mudança de padrão de consumo de alimentos, comprometendo a situação nutricional da infância e adolescência e promovendo o aumento das doenças crônicas não transmissíveis, como hipertensão e diabetes.

O sobrepeso e a obesidade são frequentemente identificados em crianças de 5 anos em todos os grupos de renda, bem como em todas as regiões brasileiras. Alimentos industrializados, ricos em açúcar, sódio, gordura e pobres em nutrientes, tornaram-se parte da rotina alimentar. Ao mesmo tempo, há uma diminuição na prática de atividade física. Esse quadro faz com que 10% das crianças brasileiras de 5 a 9 anos já estejam acima do peso esperado para a idade.

Para enfrentar a obesidade infantil, o UNICEF trabalha com seus parceiros para desenvolver e implementar intervenções estratégicas com foco na saúde, na promoção do aleitamento materno, na alimentação complementar saudável e na prevenção do excesso de peso de crianças e adolescentes que vivem em seus territórios de atuação prioritária: Amazônia Legal Brasileira, Semiárido e Grandes Centros Urbanos.

Você também pode ajudar o UNICEF em suas ações.