Novo vídeo musical 'Pata Pata' lançado pelo UNICEF espalha a consciência - e a alegria - da COVID-19 pelo mundo

10 Maio 2020
UNICEF Africa

Nairobi, Nova Iorque, Paris – O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) está entusiasmado por anunciar o lançamento oficial do vídeo musical de Angelique Kidjo para "Pata Pata", uma nova versão da canção de sucesso de Miriam Makeba, de 1967.

Outrora chamada "a canção mais desafiante do mundo", a "Pata Pata" de Makeba foi regravada pela Embaixadora de Boa Vontade do UNICEF, Angélique Kidjo, para difundir informação sobre a COVID-19, com enfoque em centenas de milhões de pessoas em comunidades remotas de todo o mundo. Tendo lançado a nova faixa áudio há duas semanas, a versão de Kidjo já foi ouvida em mais de 100 estações de rádio em toda a África, bem como nos EUA e na Europa. Está também no Spotify e no Itunes.

O nome da canção é uma peça de teatro sobre a palavra Xhosa "phatha", que significa "toque". A versão modificada, cantada por Kidjo, inclui linhas tais como: "Chegou a hora de não fazer nada!! Isto não é phatha-phatha ... Fique em casa e espere... Temos de manter as mãos limpas... Não toque no seu rosto, mantenha distância, por favor".

Dada a enorme recepção da nova versão do Kidjo, o UNICEF lançou um apelo ao público global, pedindo às pessoas que enviassem vídeos de si próprias a dançar a canção nas suas casas e jardins, marcando @UNICEFAfrica, com a hashtag #NoPataPata. Todas as submissões foram criadas respeitando as várias regras de bloqueio, contenção e recolher obrigatório da COVID-19.

A resposta tem sido esmagadora. Foram recebidos contributos - de jovens e jovens de coração - da Austrália, Áustria, Camarões, Etiópia, Quénia, Uganda, Tanzânia, Burundi, Zâmbia, Zimbabwe, Moçambique, Eswatini, Malawi, Reino Unido, Itália, Espanha, Portugal, Rússia, Nigéria, Eslovénia, Eslováquia, EUA, Índia, Emirados Árabes Unidos, Filipinas, Japão, Senegal e, claro, a terra natal de Makeba, na África do Sul, e a terra natal de Kidjo, no Benin.

Foram seleccionados alguns dos clips e estes dançarinos sortudos aparecem no vídeo musical ao lado de Kidjo, que gravou a canção na sua casa em Paris. O vídeo conta também com a participação da embaixadora nacional do UNICEF em Moçambique, a cantora Neyma.

"Miriam trouxe alegria ao mundo para onde quer que fosse", disse Kidjo, "mas também partilhou conhecimento e esperança". Cinquenta anos depois, Pata Pata voltou a mostrar o seu imenso poder e amor. Atingir os mais pobres e remotos com a nossa nova faixa de rádio foi tão importante; igualmente, foi partilhar alguma alegria, que foi o que as pessoas fizeram ao fazer este vídeo musical".

O vídeo musical fez a sua estreia global para mais de 100 milhões de pessoas online, no sábado, 9 de Maio de 2020, ao lançar "UNICEF Won't Stop" - um evento virtual com actuações de Cher, Pink, Rod Stewart, Sting, Eurythmics e Cheryl Crow, entre uma série de outras estrelas. Kidjo e Pata Pata deram o pontapé de saída ao evento.

"UNICEF Won't Stop" foi organizado pelo UNICEF USA e procura angariar fundos para fornecer recursos para salvar vidas a crianças durante a COVID-19. https://www.unicefwontstop.org

Tanto a "nova" versão áudio como o vídeo Pata Pata são de utilização livre.

 


 

Descarregue o vídeo musical da Pata Pata.

Descarregue a faixa áudio track Pata Pata.

Contacto para os media

Gabriel Pereira
Communication Officer
UNICEF Moçambique
Telefone: +258 82 316 5390
Claudio Fauvrelle
Communication Officer
UNICEF Moçambique
Telefone: +258 82 305 1990

Sobre o UNICEF

O UNICEF trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do mundo, para chegar às crianças mais desfavorecidas. Para salvar as suas vidas. Para defender os seus direitos. Para ajudá-las a alcançar o seu verdadeiro potencial. Presentes em 190 países e territórios trabalhamos para cada criança, em qualquer parte, todos os dias, para construirmos um mundo melhor para todos. E nunca desistimos. Para mais informação sobre o UNICEF e seu trabalho para cada criança, visite www.unicef.org.mz

Siga as actividades do UNICEF no Twitter e Facebook