Adolescentes do Rio Solimões participam do 1º Encontro dos Nucas

O Encontro dos Núcleos de Cidadania de Adolescentes ocorre em Tefé (AM) e visa fortalecer as agendas de mudanças climáticas e soberania alimentar

28 abril 2023
Foto mostra dois adolescentes indígenas olhando para a câmera.
UNICEF/BRZ/Mauro Cristo

Manaus, 28 de abril de 2023 – A Prefeitura de Tefé, em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), a organização não governamental Visão Mundial, o Instituto Mamirauá e a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), promove o 1º Encontro dos Nucas nesta sexta-feira, dia 28. O evento tem por objetivo fortalecer as ações sobre mudanças climáticas e soberania alimentar dos mobilizadores e adolescentes dos Núcleos de Cidadania de Adolescentes (Nucas). Em paralelo, será realizado o encontro com os técnicos e gestores das equipes do Selo UNICEF da Calha do Solimões sobre a Busca Ativa Escolar (BAE), a Busca Ativa Vacinal (BAV), entre outras políticas públicas voltadas para a infância e adolescência. Ambas atividades acontecem no Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá, localizado na Estrada do Bexiga, n.º 2.584, Bairro Fonte Boa.

“Pela primeira vez, o município de Tefé, no coração da Amazônia, vai receber um evento dessa magnitude voltado aos adolescentes amazonenses com a temática sobre mudanças climáticas. Estamos muito honrados em poder receber os municípios da Calha do Solimões para unir esforços e fazer a diferença junto com os adolescentes dos nossos Nucas, pois sabemos da importância do tema e de engajar os adolescentes e jovens em uma ação para mitigar os impactos das mudanças climáticas em nossa sociedade”, destacou Nicson Marreira, prefeito de Tefé.

No 1º Encontro dos Nucas, participam os municípios de Alvarães, Amaturá, Anamã, Anori, Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Beruri, Careiro Castanho, Careiro da Várzea, Coari, Codajás, Fonte Boa, Iranduba, Juruá, Manacapuru, Manaquiri, Maraã, Santo Antônio do Içá, São Paulo de Olivença, Tabatinga, Tefé, Tonantins e Uarini.

“As mudanças climáticas são um tema-chave que estamos desenvolvendo com os Nucas no Selo UNICEF, haja vista a importância da sensibilização sobre essa temática que impacta gerações, mas principalmente crianças e adolescentes. Diante da crise climática, faz-se urgente ter os adolescentes como protagonistas para que sejam os multiplicadores dessas ações, pois são as potências para a grande transformação de uma geração. Eles são as vozes ativas nos seus municípios que ecoam em toda a sociedade na busca pela garantia de direitos para crianças e adolescentes no centro da agenda climática brasileira”, destacou Rayanne França, oficial para o Desenvolvimento e Participação de Adolescentes do UNICEF Brasil.

Protagonismo juvenil
A gestão municipal de Tefé ofereceu todo o apoio para que as equipes municipais dos 22 municípios pudessem participar dos eventos, como hospedagem, alimentação, conexão Wi-Fi, certificado e materiais de apoio durante os eventos. Além de receberem capacitação sobre o tema das mudanças climáticas e soberania alimentar, os adolescentes, bem como os mobilizadores, vão participar de uma programação repleta de oficinas, palestras, gincanas, exposições, etc.

De acordo com Elton Marques, articulador do Selo UNICEF em Tefé, o Encontro dos Nucas é a consolidação de um anseio do município em fazer a diferença nesta edição do Selo UNICEF. “Com a temática de mudanças climáticas e de alimentação saudável para ser desenvolvidas com os Nucas, o evento acontece no momento ideal. E para fortalecer essas ações, Tefé conta com a parceria do Instituto Mamirauá, uma organização com profissionais especializados no assunto. Temos certeza de que esse momento será ímpar para todos os que estão envolvidos nesse desafio”, enfatizou

“Essa parceria poderá construir uma agenda propositiva pautada pela participação tanto para garantir direitos e cidadania quanto para debater e encontrar soluções para as questões que envolvem o enfrentamento das mudanças climáticas e da desigualdade racial e de gênero, por exemplo. Esse encontro, no interior da Amazônia, será um marco histórico para Tefé e uma vitrine de melhores práticas de integração, mobilização e gestão de políticas públicas para crianças e adolescentes”, destacou Dávila Corrêa, diretora de Manejo e Desenvolvimento Social do Instituto Mamirauá.

A coordenadora de projetos da Visão Mundial, Lucinete Bezerra, afirma que o encontro presencial dos Nucas é um momento para integrar e capacitar os adolescentes e mobilizadores sobre a principal temática desenvolvida pela iniciativa. “A equipe da Visão Mundial fica honrada pelo convite da gestão municipal de Tefé para podermos apoiar os Nucas dos municípios do Solimões, pois sabemos que os mobilizadores dos Nucas e os adolescentes precisam desse espaço para poder avançar nas ações em seus municípios”, finalizou Lucinete.

Nucas no Amazonas – O Amazonas tem 55 Nucas formados, cada um deles com pelo menos 16 integrantes, sendo 8 meninas e 8 meninos, sob a coordenação de um mobilizador de adolescente, indicado pela gestão municipal. Esses espaços são um ambiente de troca e participação entre pares e sua implementação é recomendada pela metodologia do Selo UNICEF. Nesta edição do Selo UNICEF, os Nucas são estimulados a desenvolver ações que envolvam os temas: mudanças climáticas; prevenção da gravidez na adolescência; enfrentamento do racismo e das violências; e o empoderamento de meninas e igualdade de gênero.

Contatos para a imprensa

Elizabeth da Costa Cavalcante
Oficial de Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (92) 98173 3114
Ida Pietricovsky de Oliveira
Especialista em Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (91) 98128 9022

Sobre o UNICEF
O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do planeta, para alcançar as crianças mais desfavorecidas do mundo. Em mais de 190 países e territórios, o UNICEF trabalha para cada criança, em todos os lugares, para construir um mundo melhor para todos.

Acompanhe nossas ações no Facebook, Twitter, Instagram, YouTube, LinkedIn e TikTok.

Você também pode ajudar o UNICEF em suas ações. Faça uma doação agora.