Programa Nacional de Cooperação entre o Governo de Moçambique e o UNICEF 2022-2026

Exercer os direitos da criança, adolescente e mulher de sobreviver, prosperar, desenvolver todo o seu potencial e viver num ambiente mais seguro.

Exercer os direitos da criança, adolescente e mulher de sobreviver, prosperar, desenvolver todo o seu potencial e viver num ambiente mais seguro.
UNICEF/MOZA2020-00773/Bruno Pedro

Destaques

Este Programa Nacional de Cooperação concentrará as suas intervenções a jusante nas quatro províncias de Sofala, Zambézia, Nampula e Cabo Delgado para aprofundar uma programação de nexo integrado e triplo: acções humanitárias-desenvolvimento-consolidação da paz. Esta priorização baseia-se nas recomendações da avaliação do anterior ciclo quinquenal 2017-2021, destacando a necessidade de uma maior priorização programática e
geográfica e convergência para alcançar resultados à escala para as crianças.

A fundamentação é baseada em vários factores. Primeiro, a densidade populacional global e o tamanho da população infantil, com a Zambézia e Nampula a contar com mais de 40 por cento da população infantil (6,2 milhões). Segundo, foram considerados a privação dos direitos da criança e os indicadores sociais básicos. O terceiro critério centra-se na elevada vulnerabilidade a choques, tais como conflitos, desastres naturais e surtos de doenças. Também constituíram factor importante a presença do escritório do UNICEF e de seus parceiros (OSC), assim como a capacidade de implementar programas.

Programa Nacional de Cooperação entre o Governo de Moçambique e o UNICEF 2022-2026
Autor
UNICEF
Data de publicação
Idiomas
Português

Baixe o relatório

(PDF, 405,14 KB)