Considerações para medidas de saúde pública relacionadas à escola no contexto da Covid-19

Anexo às considerações sobre o ajuste da saúde pública e medidas sociais no contexto da Covid-19

Destaques

A Organização Mundial da Saúde (OMS), o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) prepararam orientações atualizadas para autoridades e educadores sobre como administrar as escolas da maneira mais segura possível durante a pandemia de Covid-19. Foram consideradas abordagens baseadas em risco para operações escolares, com base no nível e intensidade das taxas de transmissão em níveis mais baixos de escolaridade; considerações apropriadas à idade para medidas como distanciamento físico e máscaras nas escolas; e outras medidas para mitigar a Covid-19 nas escolas. 

O principal de todos os aspectos, considerações e decisões a ser tomadas deve ser a continuidade da educação das crianças para seu bem-estar geral, saúde e segurança.

Este é um anexo das Medidas Sociais e de Saúde Pública da OMS no contexto da Covid-19, substituindo uma versão anterior publicada pela OMS em 10 de maio de 2020, e se aplica a ambientes educacionais para crianças e adolescentes.

As medidas específicas recomendadas neste documento atualizado incluem escalonamento dos horários de abertura e encerramento, horários das refeições e intervalos da escola; instalações para lavagem das mãos; limpeza de superfícies e objetos compartilhados; e mecanismos para compartilhamento de informações com pais, mães, estudantes, educadoras e educadores.

print da primeira página do documento - somente texto
Autor
OMS, UNICEF. Unesco
Data da publicação
Idiomas
Português, Inglês

Baixar o relatório

(PDF, 332,91 KB) (PDF, 350,94 KB)