UNICEF e a União Europeia prestam assistência nutricional para salvar vidas na zona norte de Moçambi

O UNICEF, com fundos da União Europeia, trabalha com parceiros locais e a Direcção Provincial de Saúde (DPS) em Cabo Delgado na prestação de assistência nutricional de emergência para ajudar a salvar vidas das crianças.

Claudio Fauvrelle
“Eu gosto muito do trabalho que faço com as comunidades. Ensino as mães a preparar papas enriquecidas e a terem cuidado com a higiene e alimentação das crianças. Vejo muitas mudanças positivas na minha comunidade e tudo isso é graças ao TDC,” contou Beatriz, activista de TDC na comunidade de Impire.
UNICEF Mozambique/2021/Fanceni Balde
01 Fevereiro 2022

Cabo Delgado, Moçambique - “O meu pequeno Abdala estava muito magro e não comia nada, tinha as costelas todas à vista. Depois da visita do agente polivalente elementar (APE) a nossa casa fiquei a saber que ele tinha desnutrição. O Abdala depois começou a alimentar-se com o alimento terapêutico pronto para uso (ATPU) que recebi e agora parece outra criança. Está mais alegre, come melhor e eu estou muito agradecida,” conta Jaci Raja, na comunidade de Impire, em Mecufi, província de Cabo Delgado.

O meu pequeno Abdala estava muito magro e não comia nada, tinha as costelas todas à vista. Depois da visita do agente polivalente elementar (APE) a nossa casa fiquei a saber que ele tinha desnutrição. O Abdala depois começou a alimentar-se com o alimento terapêutico pronto para uso (ATPU) que recebi e agora parece outra criança. Está mais alegre, come melhor e eu estou muito agradecida,” conta Jaci Raja, na comunidade de Impire, em Mecufi, província de Cabo Delgado.

Depois da visita do APE a nossa casa fiquei a saber que ele tinha desnutrição. O Abdala depois começou a alimentar-se com o alimento terapêutico pronto para uso e hoje está mais alegre, come melhor e eu estou muito agradecida.

Jaci Raja.

Devido ao conflicto na zona norte de Moçambique, 735,344 pessoas estão deslocadas internamente, sendo que 90 por cento encontram-se em Cabo Delgado. As mulheres e as crianças são as mais afectadas, e quase uma em cada duas crianças com menos de cinco anos de idade em Cabo Delgado sofre de desnutrição.

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), com fundos da União Europeia, trabalha com parceiros locais e a Direcção Provincial de Saúde (DPS) em Cabo Delgado na prestação de assistência nutricional de emergência para ajudar a salvar vidas das crianças afectadas pela insegurança no norte de Moçambique. Parte da assistência nutricional de emergência consiste na aquisição e distribuição de produtos alimentares que salvam vidas (6,000 caixas de ATPU) e expansão do tratamento comunitário da desnutrição aguda (TDC) com a formação de 30 APEs e 296 activistas comunitários em 27 comunidades.

Recomendo sempre nas comunidades para alimentarem as crianças com comidas locais e alimentos nutritivos para as crianças crescerem mais saudáveis.

Serafim Augusto.
Recomendo sempre nas comunidades para alimentarem as crianças com comidas locais - matapa, amendoim, farinha de milho - e alimentos nutritivos para as crianças crescerem mais saudáveis

“Depois da formação do TDC eu agora estou alerta para as crianças desnutridas. Recomendo sempre nas comunidades para alimentarem as crianças com comidas locais - matapa, amendoim, farinha de milho - e alimentos nutritivos para as crianças crescerem mais saudáveis,” disse Serafim Augusto, activista de TDC na comunidade de Impire.

“Eu gosto muito do trabalho que faço com as comunidades. Ensino as mães a preparar papas enriquecidas e a terem cuidado com a higiene e alimentação das crianças. Vejo muitas mudanças positivas na minha comunidade e tudo isso é graças ao TDC,” contou Beatriz, activista de TDC na comunidade de Impire.

Em 2021, 65,321 crianças dos 6 a 59 meses foram beneficiadas com rastreios nutricionais, 3,426 crianças (6 a 59 meses) receberam tratamento para desnutrição, 94,746 crianças (6 a 59 meses) foram suplementadas com vitamina A, e 30,769 cuidadores foram alcançados com mensagens sobre práticas adequadas de alimentação para mulheres lactentes e crianças pequenas.