Brigadas móveis de nutrição alcançam comunidades com serviços integrados de saúde em Moçambique

"Esta é uma grande oportunidade para aceder aos serviços de saúde pois a unidade sanitária mais próxima dista há 56 quilómetros e não temos transporte. Quando a brigada não aparece ficamos abandonados, doenças e mortes aumentam."

Borges Mahumana com reportagem de Maltez Mabuie
Brigadas móveis de nutrição alcançam comunidades com serviços integrados de saúde em Moçambique
UNICEF Moçambique/2021/Maltez Mabuie
25 Outubro 2021

Beira, SOFALA As brigadas móveis de nutrição contribuem no acesso aos serviços básicos de saúde, especialmente nas zonas mais remotas dos distritos de Machanga e Búzi, na província de Sofala, e dos distritos de Mossurize, Macate e Sussundega na província de Manica.  

Estas intervenções estão enquadradas na mitigação do rasto de destruição deixado pelo ciclone Eloise que agravou ainda mais os problemas sociais e de saúde em Sofala e Manica.

“Esta é uma grande oportunidade que eu e meus filhos temos para aceder aos serviços de saúde pois a unidade sanitária mais próxima dista há cinquenta e seis (56) quilómetros e não temos qualquer tipo de transporte,” disse Virgínia Samuel, mãe de gêmeos que careciam de cuidados de saúde, no povoado de Muchambo, no posto administrativo de Dombe, no distrito de Sussundega.
UNICEF Moçambique/2021/Maltez Mabuie

Esta é uma grande oportunidade que eu e meus filhos temos para aceder aos serviços de saúde pois a unidade sanitária mais próxima dista há 56 quilómetros e não temos qualquer tipo de transporte.

Virgínia Samuel.

“Esta é uma grande oportunidade que eu e meus filhos temos para aceder aos serviços de saúde pois a unidade sanitária mais próxima dista há cinquenta e seis (56) quilómetros e não temos qualquer tipo de transporte,” disse Virgínia Samuel, mãe de gêmeos que careciam de cuidados de saúde, no povoado de Muchamba, no posto administrativo de Dombe, no distrito de Sussundega.

Virgínia fez-se presente assim que foi informada pelo líder comunitário da presença da brigada móvel de nutrição no seu povoado. Os líderes comunitários são grandes parceiros na consciencialização pública para a promoção da saúde e prevenção de doenças.  “Sempre que sou informado da vinda da brigada, informo toda a minha comunidade para que possa participar. Assim, as crianças, jovens e adultos terão acesso a serviços de saúde,” afirmou Samuel Fassitela Muchamba, líder comunitário no povoado de Muchamba.

Precisamos destes serviços, são únicos e úteis para nós, há crianças, desde que nasceram nunca passaram por um serviço de saúde, as unidades sanitárias estão muito distantes. 

Isabel Guendjera.
“Precisamos destes serviços, são únicos e uteis para nós, há crianças, desde que nasceram nunca passaram por um serviço de saúde, as unidades sanitárias estão muito distantes. Hoje estamos a celebrar, vim a consulta de planeamento familiar aqui nesta brigada e o meu marido veio comigo,” disse Isabel Guendjera mãe de três filhos, um dos quais identificado com desnutrição aguda grave sem complicações médicas. Isabel vive no povoado de Gaha,  no Distrito de Mossurize, uma comunidade que lamentava a paragem mom
UNICEF Moçambique/2021/Maltez Mabuie

“Precisamos destes serviços, são únicos e úteis para nós, Há crianças, desde que nasceram, nunca passaram por um serviço de saúde, as unidades sanitárias estão muito distantes. Hoje estamos a celebrar, vim a consulta de planeamento familiar aqui nesta brigada e o meu marido veio comigo,” disse Isabel Guendjera mãe de três filhos, um dos quais identificado com desnutrição aguda grave sem complicações médicas. Isabel vive no povoado de Gaha, no Distrito de Mossurize, uma comunidade que lamentava a paragem momentânea que se registou na implementação da brigada móvel de nutrição.

Maquique Adei, Chefe do Departamento de Nutrição no Serviço Provincial de Saúde de Manica, referindo que os pacientes que necessitam de maior atenção são encaminhados à unidade sanitária.
UNICEF Moçambique/2021/Maltez Mabuie

Nas brigadas móveis de nutrição, envolvemos equipas multidisciplinares e procuramos oferecer serviços básicos de saúde.

Maquique Adei.

“Nas brigadas móveis de nutrição, envolvemos equipas multidisciplinares e procuramos oferecer serviços básicos de saúde que incluem a vacinação, controle de crescimento das crianças, triagem nutricional e tratamento da desnutrição aguda, suplementação com Vitamina  A e pelo MNP (multi-micronutrientes em pó), suplementação com sal ferroso e ácido fólico, educação alimentar e nutricional, desparasitação, consulta pré-natal, planeamento familiar, consultas para várias doenças abarcando o rastreio e tratamento da pelagra,” contou Maquique Adei, Chefe do Departamento de Nutrição no Serviço Provincial de Saúde de Manica, referindo que os pacientes que necessitam de maior atenção são encaminhados à unidade sanitária.

Estas intervenções são lideradas pelo Governo de Moçambique e movimentam centenas de pessoas que procuram aceder aos serviços de saúde, contam com o apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) com financiamento da FUJI TV do Japão.