O Banco Mundial e o UNICEF iniciam avaliação das infraestruturas escolares, dados de professores e alunos das escolas pré-primárias, primárias e secundárias ao nível de todos os 39 setores educativos da Guiné-Bissau

A avaliação faz parte de um acordo trilateral através do qual o UNICEF vai realizar o mapeamento escolar em colaboração com o Ministério da Educação Nacional, Ensino Superior e Investigação Científica, com financiamento disponibilizado pelo Banco Mundial

28 March 2024
Cerimónia oficial de lançamento do Mapeamento Escolar na Guiné-Bissau.
©UNICEF Guinea-Bissau/2024/Da Silva
Cerimónia oficial de lançamento do mapeamento escolar na Guiné-Bissau.

BISSAU, 27 de Março de 2024 – O Ministério da Educação Nacional e Ensino Superior, em colaboração com o Banco Mundial e o UNICEF, inicia hoje um levantamento exaustivo das infraestruturas escolares e dos dados relativos aos professores e alunos em todas as escolas pré-primárias, primárias e secundárias da Guiné-Bissau.

O lançamento do mapeamento Escolar em todas as escolas do país vai reforçar consideravelmente a qualidade dos dados educativos e do Sistema nacional de Informação de Gestão da Educação (SIGE), fornecendo um "instantâneo" completo do estado das infraestruturas, das matrículas e da afetação dos professores – que pode ser cruzado com outras bases de dados (Recursos Humanos/Ministério da Educação Nacional e Ensino Superior) para aumentar a precisão –, e também reforçar os conhecimentos e as práticas de recolha de dados à escala nacional.

“A educação é uma das áreas prioritárias para o Banco Mundial na Guiné-Bissau. Só conseguiremos atingir os objetivos de eliminar a pobreza e promover a prosperidade partilhada se tivermos um sistema educativo forte e que responda às necessidades do país. O mapeamento escolar é uma atividade de grande importância, pois servirá como base para a planificação e tomada de decisões em relação à disponibilização dos serviços educativos em todo o país. Será um passo fundamental para o sistema educativo da Guiné-Bissau, e, consequentemente, para o desenvolvimento de todo o país.” - Anne-Lucie Lefebvre - Representante Residente do Banco Mundial na Guiné-Bissau.

Espera-se que este exercício de mapeamento das escolas forneça dados precisos e fiáveis sobre as matrículas, a assiduidade e a disponibilidade de outros recursos educativos. Esta informação estará disponível para ser utilizada pelos decisores políticos e pelos intervenientes no setor da educação para tomarem decisões informadas e conceberem políticas baseadas em dados concretos que respondam aos desafios das baixas matrículas, das elevadas taxas de abandono escolar e dos fracos resultados de aprendizagem no país.

A educação em todo mundo tem-se caraterizado nos últimos anos por baixos níveis de aprendizagens. Relatórios e estudos demostraram que metade das crianças de dez anos de idade, nos países de rendimento baixo e médio, eram incapazes de ler ou compreender uma história simples. […] Esta constatação levou as Nações Unidas a mobilizar os Estados-membros em dois mil e vinte e dois (2022), na reflexão e tomada de ação para uma Transformação urgente da Educação. […] No âmbito do processo de elaboração do seu Pacto de Parceria, a Guiné-Bissau é convidada a priorizar mudanças mais amplas que ajudem a transformar o seu sistema educativo e a melhorar a aprendizagem de uma forma sustentável. Isto passa necessariamente pela análise de dados e evidências sobre o estado do setor.” – Etona Ekole, Representante do UNICEF na Guiné-Bissau.

Especificamente, permitirá ao Ministério da Educação, em parceria com o Banco Mundial, realizar uma análise abrangente do mapeamento escolar em 2024 para identificar as necessidades futuras em matéria de educação a nível local e planear as medidas a tomar para as satisfazer.

“O mapeamento escolar é uma ferramenta que irá permitir ao Governo e a todos os intervenientes do setor a terem uma imagem fotográfica do sistema no seu todo, pois fornecerá a possibilidade de localizar todas as escolas no seu todo.” – Herry Mané, Ministro da Educação Nacional, Ensino Superior e Investigação Científica.

Media contacts

Wilson Gama
Communication Officer
UNICEF Guinea-Bissau
Tel: +245 95 579 79 53

About UNICEF

UNICEF promotes the rights and well-being of every child, in everything we do. Together with our partners, we work in 190 countries and territories to translate that commitment into practical action, focusing special effort on reaching the most vulnerable and excluded children, to the benefit of all children, everywhere.

For more information about UNICEF and its work for children, visit www.unicef.org.

Follow UNICEF on Twitter, Youtube and Facebook