UNICEF lança campanha #ÁguaNasEscolas e faz webinário sobre o tema

Tema será debatido em webinário online com especialistas da área

22 setembro 2021
Foto mostra uma menina de costas lavando as mãos. Ela está com um rabo de cavalo e usa máscara. A pia está em um ambiente escolar e o dispenser de sabonete tem o logo do UNICEF.
UNICEF/BRZ/Alécio Cezar

Brasília, 22 de setembro de 2021 – O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) alerta para os desafios de acesso a água em parte das escolas municipais brasileiras. Segundo levantamento do UNICEF com base em dados do Censo Escolar 2020, embora a maioria das escolas municipais (84 mil escolas, o que corresponde a quase 80%) tenha acesso adequado a água, ainda há no País 3 mil escolas municipais sem água e outras 21 mil com acesso, mas de forma inadequada. Diante desse cenário, o UNICEF lança, nesta quinta-feira, 23 de setembro, a campanha #ÁguanasEscolas, voltada a arrecadar recursos para ampliar o acesso a água em escolas, e promove um webinário para discutir o tema.

“A falta de acesso adequado a água impacta diretamente crianças e adolescentes mais vulneráveis. Haver acesso a água de qualidade é fundamental para que meninas e meninos possam aprender, brincar e se desenvolver com saúde, além de garantir a dignidade menstrual de pessoas que menstruam. Felizmente, a grande maioria das escolas municipais, quase 80%, conta com a acesso adequado a água. Mas ainda há 3 mil escolas (3%) sem água e outras 21 mil com acesso, mas não adequado. Por isso, o UNICEF lança a campanha “Água Nas Escolas”, para contribuir com essas escolas mais vulneráveis do Brasil”, explica a representante do UNICEF no Brasil, Florence Bauer.

Campanha #ÁguanasEscolas
Sabendo que os maiores desafios do acesso a água estão no Norte e no Nordeste, o UNICEF incluiu um resultado de água, saneamento e higiene no Selo UNICEF, iniciativa voltada a 2.023 municípios da Amazônia e do Semiárido. A partir deste ano, cada município se compromete a capacitar profissionais de educação, saúde, proteção social e saneamento básico para a implementação de programas de lavagem de mãos e acesso a água e saneamento nas escolas. O UNICEF investe, também, em estações de lavagem de mãos e acesso a água, materiais de limpeza e higiene, como álcool e sabão, além de absorventes para as escolas.

Para que cada cidadão ou empresa possa contribuir com essas iniciativas, o UNICEF lança nesta quinta-feira, 23 de setembro, a campanha #ÁguanasEscolas. Por meio de uma plataforma online, todos podem conhecer as ações do UNICEF na área de água, saneamento e higiene. E fazer doações. É só acessar https://aguanasescolas.org.br/

Webinário "Como o acesso a água, saneamento e higiene muda a vida de crianças e adolescentes?"
Ainda para entender os desafios e impactos, e discutir soluções sobre o tema, o UNICEF promove, nesta quinta-feira, às 18h30, o webinário aberto ao público "Como o acesso a água, saneamento e higiene muda a vida de crianças e adolescentes?". A transmissão conta com a participação de Florence Bauer, representante do UNICEF no Brasil; Otto Von Sothen, CEO do Grupo Tigre; Cristina Palmaka, presidente para a América Latina e o Caribe da SAP; e de Teresa vernaglia, CEO da BRK Ambiental.

O evento ocorrerá pela plataforma Zoom, e para participar é necessário inscrever-se com antecedência, neste link.

Contatos para a imprensa

Elisa Meirelles Reis
Oficial de Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (61) 98166 1649
Ester Correa Coelho
Oficial de Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (61) 99122 8671

Sobre o UNICEF
O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do planeta, para alcançar as crianças mais desfavorecidas do mundo. Em 190 países e territórios, o UNICEF trabalha para cada criança, em todos os lugares, para construir um mundo melhor para todos.

Acompanhe nossas ações no Facebook, Twitter, Instagram, YouTube, LinkedIn e TikTok.

Você também pode ajudar o UNICEF em suas ações. Faça uma doação agora.