Adolescentes e jovens protagonizam campanha para prevenção de violências na Pavuna e Maré

Numa iniciativa do UNICEF e Luta pela Paz, campanha busca promover uma comunidade de cuidado com podcasts e websérie criadas por adolescentes e jovens mobilizadores

22 novembro 2021
Foto mostra quatro adolescentes usando máscara e a camiseta do projeto Zona Nossa. Eles estão olhando para a câmera.
Zona Nossa

Rio de Janeiro, 22 de novembro de 2021 – A Luta pela Paz e o UNICEF lançam nesta semana a campanha online “Zona Nossa”, para promover uma comunidade de cuidado e contribuir com a prevenção de todas as formas de violência contra crianças e adolescentes. São dois podcasts e uma websérie de seis capítulos, produzidos por adolescentes e jovens mobilizadores das comunidades da Maré e da Pavuna, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Os episódios poderão ser vistos no canal do YouTube da Luta pela Paz e nas redes sociais do UNICEF e outros parceiros, bem como serão compartilhados pelos adolescentes, jovens, lideranças e influenciadores nas comunidades.

Parte do projeto Zona Nossa, a campanha é fruto da mobilização de 40 adolescentes e jovens que participaram de atividades de apoio e de autocuidado, discutindo pautas que impactam diretamente a saúde mental dos moradores do território. O objetivo da campanha é disseminar entre os moradores da Maré e Pavuna informações e reflexões sobre a prevenção dos diferentes tipos de violências em sua vida e suas comunidades.

No primeiro episódio do podcast, cinco jovens falam sobre uma escuta realizada com mulheres dos territórios da Pavuna e Maré, na faixa de 16 até 24 anos, perguntando se elas já passaram por algum tipo de violência de gênero. Cerca de 68% das respostas foram positivas, enquanto 19% disseram não saber identificar “violência”. A partir disso, algumas meninas foram convidadas a dar depoimentos sobre as situações vividas, com objetivo de esclarecer os possíveis tipos de violência e de promover a compreensão de como podem se resguardar dessas situações ou buscar apoio.

O segundo episódio reúne jovens que trocaram experiências e debateram paternidade e maternidade negra, racismo e violência contra a mulher. Além da troca de informações, os participantes falam sobre como formar uma comunidade de cuidado em suas comunidades. A websérie, por sua vez, aborda diretamente os cinco temas que mais se destacaram nas reuniões que ocorreram ao longo do projeto: violência de gênero, gênero e sexualidades, paternidade negra, violência doméstica e maternidade.

Participaram da iniciativa: Alicia Mendes, Bárbara Fonseca, Beatris Neves, Diane Silva, Juliane Cruz, Larissa Lucia, Laryssa Cristina, Letícia da Silva, Lívia Dias, Marina Sant'Ana, Mayara Antunes, Nívia Rodrigues Chavier, Pâmella Gabriel dos Santos, Tainara Rodrigues, Thalita Nogueira, Thamires Nogueira, Thamiris Rodrigues, Vanessa de Azevedo, Victoria Silva, Vitória Azevedo, Arthur Viana, Bruno Laerte, Carlos Felipe, Celso Cândido, Cesar Damásio, Gabriel Costa, Jacson Yan Pereira, João Victor Freitas, Kayke Juan, Lucas Souza, Luiz Phillipe, Matheus Luiz da Conceição, Rafael dos Santos, Rahzel Alec, Rodrigo Cardoso, Rudson Adriano, Thiago Almeida, Tiago Izidoro e Tiago Nascimento, jovens influenciadores e ativistas locais.

Sobre o Zona Nossa
O projeto Zona Nossa, realizado pela Luta pela Paz e pelo UNICEF, busca promover a saúde mental de adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade na Pavuna e na Maré, e prevenir violências durante a pandemia. Uma das frentes de atuação foi a mobilização de 40 jovens mobilizadores dos dois territórios, que participaram de formações, rodas de conversa, além de produzir conteúdos para a mobilização de outros jovens dos territórios. O projeto também ofereceu formação sobre o tema para profissionais dos serviços locais, bem como atendimento psicológico gratuito para adolescentes e jovens.

Contatos para a imprensa

Immaculada Prieto
Especialista em Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (21) 98237 0856

Sobre o UNICEF
O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do planeta, para alcançar as crianças mais desfavorecidas do mundo. Em 190 países e territórios, o UNICEF trabalha para cada criança, em todos os lugares, para construir um mundo melhor para todos.

Acompanhe nossas ações no Facebook, Twitter, Instagram, YouTube, LinkedIn e TikTok.

Você também pode ajudar o UNICEF em suas ações. Faça uma doação agora.