80 mil crianças deslocadas devido às explosões em Beirute

UNICEF amplia resposta e assistência a crianças e famílias

06 agosto 2020
sala de hospital neonatal destruída pela explosão
UNICEF/UNI356606/Choufany
A explosão do porto de Beirute, em 4 de agosto de 2020, afetou gravemente o Hospital Governamental Karantina, localizado na área portuária da capital libanesa. O UNICEF apoia a unidade neonatal, que fornece intervenções médicas para bebês recém-nascidos. Foto tirada em 6 de agosto, em Beirute, no Líbano.

Beirute, 6 de agosto de 2020 – Cerca de 80 mil crianças foram deslocadas pelas explosões em Beirute, segundo estimativas do UNICEF, e as famílias afetadas precisam desesperadamente de apoio. 

As explosões na noite da última terça-feira (4/8) deixaram 140 pessoas mortas, 5 mil feridas e centenas desaparecidas. O UNICEF está preocupado com o fato de muitas crianças terem sofrido trauma e permanecerem em choque. 

"Nas últimas 24 horas, o UNICEF continuou a coordenar-se estreitamente com as autoridades e parceiros no local para responder às necessidades urgentes das famílias afetadas, concentrando-se na saúde, na água e no bem-estar das crianças", disse Violet Speek-Warnery, representante adjunta do UNICEF no Líbano. 

O porto de Beirute – onde a explosão ocorreu – é a principal tábua de salvação do país. Agora está totalmente destruído. 

De acordo com as informações mais recentes: 

  • Existem inúmeros relatos de crianças que foram separadas dos membros da família, alguns dos quais ainda estão desaparecidos; 

  • Pelo menos 12 centros de saúde, maternidades, centros de imunização e de recém-nascidos em Beirute foram danificados, afetando os serviços de quase 120 mil pessoas; 

  • Um hospital infantil na área de Karantina, que possuía uma unidade especializada em tratamento de recém-nascidos em estado crítico, foi destruído. Um recém-nascido morreu; 

  • Os demais hospitais operacionais estão sobrecarregados e esgotaram os suprimentos médicos críticos; 

  • Dez contêineres estocados pelo Ministério da Saúde Pública com equipamentos de proteção individual foram destruídos; 

  • Cinco das sete câmaras frias de vacinas apoiadas pelo UNICEF foram destruídas na explosão, afetando programas críticos de vacinação; 

  • Muitas escolas relataram danos em Beirute e na área circundante, com avaliações em andamento quanto ao nível de dano; 

  • Nas últimas 48 horas, foram registrados 464 novos casos de Covid-19. 


"O UNICEF está apoiando as autoridades e parceiros locais. Nossas equipes têm trabalhado o tempo todo para fornecer às pessoas afetadas a assistência necessária", disse Speek-Warnery. 

O UNICEF no Líbano está trabalhando com colegas e parceiros para aumentar o apoio às crianças afetadas e suas famílias, a fim de responder às necessidades imediatas e de médio prazo, incluindo: 

  • Distribuição de água potável para os atendentes da linha de frente e aqueles que moravam no local diretamente afetado ao redor do porto de Beirute; 

  • Realização de avaliações preliminares em armazéns, escolas, câmaras frigoríficas, infraestrutura hídrica e instalações de saúde, incluindo hospitais e unidade de terapia intensiva especializada para recém-nascidos; 

  • Estimados 90% dos suprimentos de vacinas armazenados resgatados do armazém danificado no porto; 

  • Fornecimento de apoio psicossocial para ajudar as crianças a lidar com o luto e o trauma. 

  • Apoio à reunificação de crianças que foram separadas de sua família e a criação de uma linha direta para chamadas; 

  • Trabalho com jovens voluntários ajudando na limpeza em diferentes áreas; 

  • Estabelecimento de um programa de transferência de renda para assistência temporária à moradia das famílias deslocadas pela perda de suas casas. 


Para poder responder a essas enormes necessidades, o UNICEF solicita imediatamente cerca de US$ 4,4 milhões. 

Para doar 
No Brasil, o UNICEF lançou nesta quinta-feira (6) uma campanha de arrecadação de fundos que serão enviados para a ação humanitária do Fundo em Beirute. As doações podem ser feitas pelo site https://bit.ly/3a0YY0c 

Contatos para a imprensa

Elisa Meirelles Reis
Oficial de Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (61) 3035 1979
Telefone: (61) 98166 1649
Ester Correa Coelho
Oficial de Comunicação
UNICEF Brasil
Telefone: (61) 3035 1973

Sobre o UNICEF
O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do planeta, para alcançar as crianças mais desfavorecidas do mundo. Em 190 países e territórios, o UNICEF trabalha para cada criança, em todos os lugares, para construir um mundo melhor para todos.

Acompanhe nossas ações no Facebook, Twitter, Instagram, YouTube e LinkedIn.

Você também pode ajudar o UNICEF em suas ações. Faça uma doação agora.