Voz e vez da Menina

No dia Internacional da Menina jovens angolanas juntam as suas vozes pela igualdade e investimento na menina

Heitor Lourenço
Dia da menina
UNICEF/ANG-2016/Niko Wieland
15 Outubro 2020

No dia 11 de Outubro celebrou-se o dia Internacional da Menina. Esta data é comemorada desde 2011, após reconhecimento da Assembleia Geral das Nações Unidas e representa uma vitória na luta de décadas pelos direitos da menina.

Neste dia entidades como o UNICEF trabalham com as meninas para fazerem uma campanha de advocacia relacionada às desigualdades de género vividas pelas meninas e apelar por oportunidades iguais.

Este ano o UNICEF Angola convidou algumas jovens a juntarem a sua voz pela justiça e igualdade e defesa dos Direitos da Menina.

Nas suas mensagens, jovens como a Ministra da Cultura, Turismo e Ambiente, Adjany Costa, as actrizes Naed Branco e Sofia Buco, e a influenciadora Digital Heloise Virgínia, defenderam mais investimento nas meninas, mais igualdade e mais oportunidades.

 

UNICEF
UNICEF

Actualmente em todo mundo as meninas continuam a passar por situações que as tornam mais vulneráveis e muitas vezes colocam-nas em desvantagem comparando com os meninos da mesma idade.

Com a pandemia da COVID-19 o risco de haver um agravamento na situação das meninas é maior particularmente nas áreas rurais e mais pobres.

Por isso o UNICEF e vários parceiros juntam a sua voz à de várias meninas para apelar para que haja um maior investimento dos Governos, das famílias no desenvolvimento de habilidades das meninas.

Em vários países, movimentos liderados por meninas estão a lidar com questões como a mudança climática, casamento infantil, injustiça racial, mutilação genital feminina, acesso à educação, saúde sexual e reprodutiva, desigualdade de habilidades e aprendizagem e saúde mental, demonstrando que as meninas podem contribuir para a mudança, desde que lhe seja dada a devida oportunidade.

UNICEF
UNICEF