Vidas reais

Vidas reais

 

Comunicação, Advocacia, Participação e Parcerias

UNICEF Moçambique Comunicação, Advocacia, Participação e Parcerias
© UNICEF Moçambique

Viúva e mãe de 4 filhos não desiste da sua educação
Maganja da Costa, Zambézia, 14 Março 2014 – “O meu marido sempre apoiava os meus estudos. Ele percebia a importância da educação e sempre obrigava-me a ir a escola. Após a sua morte eu não desisti e continuei a estudar,” disse Maria Namura, de 30 anos.

Teatro comunitário ajuda no aleitamento materno exclusivo
Morrumbala, Zambézia, 1 Março 2014 – O programa de teatro comunitário trouxe muitas mudanças na vida de Glória Mateus, de 30 anos de idade, e sua família.

Teatro comunitário ajuda menor a abandonar seu casamento e voltar a escola
Milange, Zambézia, 14 Março 2014 – Após a separação de seus pais, Mariamo Vasco, sua irmã e sua mãe passaram a viver sozinhas sem nenhum apoio do seu pai.

Grupo teatral ajuda família a viver livre da diarreia e da cólera
Milange, Zambézia, 25 Fevereiro 2014 – Graça Mário Ferro, tem 29 anos de idade, é casada e tem dois filhos. A sua filha mais velha de 1 ano de idade enfrentava muitos problemas de saúde.

Grupo teatral Brilho do Sol ajuda no acesso a educação em Zambézia
Maganja Da Costa, Zambézia, 1 Fevereiro 2014 – “Um dia, um amigo convenceu-me a abandonar os meus estudos para ir a Quelimane trabalhar como empregado doméstico.

Grupo teatral Nhangona ajuda no registo de nascimento em Zambézia
Morrumbala, Zambézia, 17 Fevereiro 2014 – “Eu nunca tive tempo para registar os meus filhos, achava que não era importante uma criança ter uma cédula pessoal,” disse Zeferino Julião Estevão, de 45 anos de idade.

O programa radiofónico criança para criança da rádio comunitária contribui para a diminuição de casos de violência doméstica em Pebane
ZAMBÉZIA, Pebane, Maio 2014 - Em Pebane, os casos de violência doméstica tem vindo a diminuir desde 2008, também graças à colaboração que se verifica entre o programa da criança da rádio comunitária e a PRM (Polícia da República de Moçambique).

Mudança de atitudes visto que a unidade móvel de saúde chega à cidade
As pessoas estão com os olhos grudados na tela, como se estivessem hipnotizadas. Está escuro, mas lá no alto, as estrelas cintilam no céu. O filme está prestes a começar.

Direitos das crianças, um tema importante para ser radiodifundido
Pedro Júnior só tem 13 anos de idade, mas ele já é bem conhecido em Changara e é cumprimentado por todas as pessoas quando passa.

 

 
Search:

 Email this article

unite for children