Imprensa

Centro de imprensa

Notícias

Comunicados de imprensa

Discursos oficiais

Vídeos

Fotografias

Rede de jornalistas amigos da criança

Dia Internacional da Criança na Rádio e Televisão

Calendário de eventos

Informação prática

Contacte-nos

Galeria de fotos

 

Moçambique premiado pelo seu trabalho de saneamento e higiene liderado por comunidades nas áreas rurais

© UNICEF Moçambique
Comunidades lideram a identificação de soluções para o seus problemas de saneamento. Distrito de Changara, província de Tete, 2010.

MAPUTO, 23 Novembro 2010 – Moçambique vai ser agraciado com o Prémio AMCOW AfricanSan Award por Serviços Públicos no domínio de saneamento e higiene esta semana.

Esses prémios por Serviços Públicos distinguem instituições ou individualidades cujo papel no serviço público tiveram um impacto tangível na melhoria de saneamento e higiene, mudança de comportamento sustentável em larga escala.
Eles visam melhorar o perfil de saneamento e higiene, chamando a atenção para abordagens bem sucedidas, promovendo a excelência na liderança, inovação e melhorias de saneamento e higiene em África, e criar incentivos para a acção.

O prémio inclui um troféu honorário e um certificado, a serem entregues a representantes do Ministério das Obras Públicas e Habitação e do Ministério da Saúde, numa cerimónia especial no decurso da 3ª Semana sobre Água em África, a decorrer em Addis Abeba, na Etiópia, no dia 24 de Novembro de 2010.

“Saudamos o Governo de Moçambique por este prestigioso prémio”, disse Jesper Morch, Representante do UNICEF em Moçambique, ao tomar conhecimento. “Este prémio reconhece o cometimento de Moçambique em proporcionar o acesso universal adequado ao saneamento.”

O AfricaSan Award é uma iniciativa organizada pelo African Ministers’ Council on Water (Conselho Africano de Ministros das Águas) em colaboração com o Water Supply and Sanitation Collaborative Council (Conselho de Colaboração no Abastecimento de Água e Saneamento), o Programa de Água e Saneamento do Banco Mundial, o Banco Africano de Desenvolvimento, o UNICEF, o Comité de Conselheiros do Secretário Geral da ONU sobre Água e Saneamento, a UN Water Africa, a WaterAid e a Africa Civil Society Network on Water and Sanitation (Rede da Sociedade Civil de África sobre Água e Saneamento).

No caso de Moçambique, o prémio surge pelo trabalho realizado pelo Governo de Moçambique no contexto da abordagem chamada Saneamento Total Liderado pelas Comunidades nas áreas rurais.

A abordagem de Saneamento Total Liderado pelas Comunidade enfatiza que a mudança vem da auto-realização e é parte de um esquema ambicioso denominado “Iniciativa Um Milhão” que visa proporcionar saneamento básico e água para um milhão de pessoas até 2013. Financiado pelo governo holandês, o UNICEF está a trabalhar com o Ministério das Obras Públicas, o Ministério da Saúde, os governos locais e 16 parceiros não-governamentais para alcançar comunidades em 18 distritos.

Agora em seu terceiro ano, a Iniciativa Um Milhão atingiu quase 600 mil pessoas com saneamento e acesso à água potável, havendo no país mais de 600 aldeias e 161 escolas primárias declaradas livres do Fecalismo a Céu Aberto.

Para mais informação, queira contactar:

Thierry Delvigne-Jean, Especialista de Comunicação, UNICEF Moçambique
Tel + 258 21 481 100; E-mail: tdelvignejean@unicef.org

Gabriel Pinho Pereira, Oficial de Comunicação, UNICEF Moçambique
Tel + 258 21 481 100; E-mail: gpereira@unicef.org

Para conhecer mais sobre o UNICEF global e o seu trabalho visite: www.unicef.org e em Moçambique visite: www.unicef.org/mozambique

 

 

 
Search:

 Email this article

unite for children