Imprensa

Centro de imprensa

Notícias

Comunicados de imprensa

Discursos oficiais

Vídeos

Fotografias

Rede de jornalistas amigos da criança

Dia Internacional da Criança na Rádio e Televisão

Calendário de eventos

Informação prática

Contacte-nos

Galeria de fotos

 

Concerto de dois pianos dedicado à criança

© Associação Kulungwana
Capa da brochura do VI Festival Internacional de Música de Maputo.
Maputo, 2010 – A sala estava cheia. O Cineteatro Avenida mais parecia um ovo. Mais ninguém podia lá caber, tantas eram as crianças e suas famílias que ali se juntaram para assistir ao concerto de dois pianos dedicado à criança, no seu dia internacional, o 1º de Junho.

Ficará por longo tempo na memória dos participantes o desempenho, neste belo espectáculo de música clássica, da pianista sul-africana Nina Schumann e do pianista português Luís Magalhães, acompanhados pela voz e coreografia do músico moçambicano Stewart Sukuma – que se superou a si próprio e maravilhou toda a plateia. Dezenas de crianças não resistiram e se fizeram ao palco, dançando ao som de tão belas e acertadas notas de piano.  

A adolescente Daniela Manjate, produtora e apresentadora do Programa da Criança da Rádio Moçambique, dirigiu-se à audiência enaltecendo o evento e clamando para que o futuro das crianças seja assegurado de modo a que atinjam o pleno do seu potencial com saúde, educação e desenvolvimento físico, psicológico e intelectual, participando em todas as decisões que lhes diga respeito.  

O concerto contou com a participação da Primeira Dama Maria da Luz Dai Guebuza – patrona da Campanha Juntos pelas Crianças Juntos contra a SIDA – que uma vez mais transmitiu, com a sua presença e alocução, o carinho, o amor e empatia que nutre pelas crianças Moçambicanas.  

“Saudamos estas vozes, que vieram de diferentes quadrantes do mundo para se juntarem aos moçambicanos e, em diferentes notas musicais, numa única voz, gritarmos bem alto o nosso lema de comemoração do Dia Internacional da Criança: Asseguremos a Protecção da Criança Contra o Tráfico e Exploração”, disse Maria Da Luz Dai Guebuza no início da sua intervenção.  

“O nosso País tem registado avanços e importantes conquistas no que concerne à protecção dos direitos da criança. Continuamos a trabalhar para que todas as crianças nasçam e cresçam em ambientes sãos, promovendo melhores condições de acesso à saúde e educação, bem como através da adopção de instrumentos jurídico-legais que contribuam para que o respeito a estes direitos seja efectivo”, acrescentou a Primeira Dama.  

Por seu turno, a Ministra da Mulher e Acção Social Iolanda Cintura, também presente ao acto, reafirmou o compromisso do Governo em continuar “a lutar com afinco e determinação para garantir a realização dos direitos da criança, combater a pobreza absoluta, a discriminação e exclusão social”.  

Durante o concerto, obras de autores clássicos como “A história de Babar” de Poulenc – o elefantino que viria a tornar-se rei da selva e esposo da rainha Celeste – foram interpretadas por ambos pianistas e magistralmente narradas por Stewart Sukuma.  

A peça o “Carnaval dos Animais” de Saint Saens, apoteose da noite, levou ao palco dezenas de crianças que, imitando os diferentes habitantes da selva, encheram o local de muita cor, cantares e imaginação. As crianças espontaneamente decidiam se a canção se assemelhava ao rugir potente de um leão porque conhecem o rugir dessa fera. Imitaram o canto do lindo passarinho Cucu, o urrar preguiçoso do burro, o cacarejar da galinha, o passo elegante da chita, a dança inconfundível do cisne e o salto ágil do canguru.  

Leila Pakkala, Representante do UNICEF, agradeceu a todos os parceiros que se associaram às celebrações da quinzena da criança, e aproveitou a oportunidade para apelar mais uma vez à responsabilidade colectiva para a “promoção do direito da criança à sobrevivência, saúde, educação, protecção e participação”.  

Leila Pakkala lembrou ainda que a valiosa contribuição dos artistas em prol das crianças não acontecia apenas naquele espectáculo vibrante, naquele momento e circunstâncias, mas no seu dia-a-dia, sensibilizando a sociedade pela realização dos direitos de todas as crianças em Moçambique.  

O concerto de dois pianos dedicado à criança aconteceu no âmbito das celebrações do Dia Internacional da Criança, como parte de uma parceria envolvendo o VI Festival Internacional de Música de Maputo, a Associação Kulungwana – presidida pelo consagrado artista plástico moçambicano Malangatana – e a colaboração técnica do UNICEF.

 

 
Search:

 Email this article

unite for children