Imprensa

Centro de imprensa

Notícias

Comunicados de imprensa

Discursos oficiais

Vídeos

Fotografias

Rede de jornalistas amigos da criança

Dia Internacional da Criança na Rádio e Televisão

Calendário de eventos

Informação prática

Contacte-nos

Galeria de fotos

 

Stewart Sukuma Embaixador de Boa Vontade do UNICEF visita vítimas das cheias

© UNICEF Moçambique/2013/Naysan Sahba
O Embaixador de Boa Vontade do UNICEF Stewart Sukuma (centro) dialoga com os evacuados das cheias no centro de acomodação de Chiaquelane, onde estão maioritariamente grupos populacionais vulneráveis, incluindo crianças e idosos.

MAPUTO, Moçambique, 27 de Janeiro de 2013 – A preocupação e angústia de milhares de pessoas que foram forçadas a deixar suas casas por causa das enchentes devastadoras na Província de Gaza são terríveis de testemunhar, e não devemos descansar antes que seu sofrimento termine, diz o Embaixador de Boa Vontade Stewart Sukuma.

O Sr. Sukuma fez esta declaração durante uma visita ao centro de acolhimento de Chiaquelane em Chókwè, um distrito que foi duramente atingido pela inundação do rio Limpopo. Quase 70 mil pessoas ficaram afectadas em Gaza, estando muito delas fora do alcance da assistência em áreas inacessíveis em toda a província.

Stewart Sukuma trouxe palavras de encorajamento para os evacuados em Chiaquelane, muitos dos quais são crianças esperando por assistência em condições difíceis. Ele reuniu-se com autoridades locais, trabalhadores humanitários, bem como deslocados no campo de reassentamento e transmitiu o apoio moral da comunidade dos  artistas, bem como o resto da nação.

"Eu sinto-me profundamente afectado pelo sofrimento destas pessoas, especialmente as crianças ", disse ele. "Mas vamos estar lado a lado com elas. Felizmente, a ajuda está chegando. O governo está aqui. O UNICEF e as Nações Unidas estão aqui, como estão as ONGs e vários outros parceiros. E mais ajuda está chegando. Eu quero ter a certeza que todo o país sabe o que é que está acontecendo aqui, que todos nós temos um imperativo de agir com urgência."

Em coordenação com o governo e, como parte da resposta duma Única Nações Unidas (One UN), o UNICEF enviou 16 contentores (bladders) de plástico de água beneficiando cerca de 15 mil pessoas. 3000 barras de sabão e outros utensílios de higiene e saneamento básicos também foram providenciados. Além disso, foi expedida uma centena de oleados para abrigar famílias, bem como 1.100 kits familiares para agregados familiares chefiados por crianças e outras famílias vulneráveis, contendo utensílios domésticos básicos e para cozinha. O UNICEF está também a proceder à distribuição de biscoitos de alto valor nutritivo (BP5) para 25.000 pessoas, que complementam os alimentos entregues por outros parceiros à famílias deslocadas. Fez-se de igual modo a entrega inicial de 5.000 redes mosquiteiras familiares e de três tendas hospitalares. Com o apoio do UNICEF, rádios comunitárias e locais,  têm também estado a transmitir mensagens-chave sobre saúde, higiene, protecção e relacionadas com acções de emergência.

Para mais informações, favor contactar:
Gabriel Pereira,
Oficial de Comunicação, tel. (+258) 21 481 100; e-mail: gpereira@unicef.org

 

 

 

 

Redes sociais

Search:

 Email this article

unite for children