Media centre

Media home

Newsline

Press releases

Statements

Information for journalist

Calendar of events

Media contacts

Photo essays

RSS Feeds

 

Semana do Aleitamento Materno

Intervenção de Dr. Roberto de Bernardi, Encarregado da Representação do UNICEF, em nome das Nações Unidas em Moçambique

Maputo, 28 de Agosto de 2010

  • Exmo Senhor Dr. Mouzinho, Director Nacional de Saúde Pública
  • Caros colegas e amigos

Primeiro, gostaria de agradecer a vossa presença aqui hoje, por ocasião do encerramento das celebrações da Semana do Aleitamento Materno.

Todos os anos, a Semana do Aleitamento Materno dá-nos uma oportunidade para juntar esforços com o Ministério da Saúde para promover uma das formas mais simples, acessíveis e eficazes que permitem que as nossas crianças tenham o melhor começo de vida possível e cresçam saudáveis.

A mensagem é simples: Os profissionais de saúde desempenham um papel vital no apoio às mães para amamentarem os seus recém-nascidos e para estabelecerem boas práticas de amamentação.

Isto implica que em todas as maternidades do país deve-se explicar com clareza à todas as mães, a importância e a necessidade da amamentação exclusiva desde os primeiros minutos após o nascimento do bebé até aos seis meses de idade.

E a razão é simples: Nos primeiros meses de vida, as crianças não precisam de mais nada para além do leite materno – é seguro, oferece aos bebés os nutrientes que precisam para um desenvolvimento saudável e contém anticorpos que ajudam a proteger as crianças contra as doenças mais comuns da infância.

De facto, o início precoce do aleitamento materno contribui para reduzir mortes de crianças em cerca de 20 por cento.

Em Moçambique, embora o aleitamento materno exclusivo durante os primeiros seis meses de vida esteja a aumentar, demasiadas crianças deixam de amamentar poucas semanas após o parto.

Então, este ano, a família das Nações Unidas junta-se uma vez mais ao apelo do Ministério da Saúde para que os profissionais de saúde em todo o país incentivem e apoiem as mães a amamentarem os seus filhos seguindo os 10 passos.

Os 10 passos, desenvolvidos pela OMS e o UNICEF, orientam todas as unidades sanitárias com serviços de maternidade e cuidados do recém-nascido. Se todas as maternidades – se todos os profissionais de saúde – no país implementarem os 10 passos, podemos salvar milhares de vidas todos os anos.

Os 10 passos para um aleitamento materno bem sucedido têm sido implementados em mais de um quarto das maternidades em todo o mundo.

 A experiência tem demonstrado que os 10 passos tornam as mães mais confiantes e mais propensas a iniciarem a amamentação cedo, e a amamentarem exclusivamente os seus filhos nos primeiros seis meses de vida.

Obrigado e bom fim-de-semana!

 

 
Search:

 Email this article

unite for children