Media centre

Media home

Newsline

Press releases

Statements

Information for journalist

Calendar of events

Media contacts

Photo essays

RSS Feeds

 

Crianças com câmaras destacam a diversidade e as disparidades em Moçambique

Maputo, 19 Outubro 2006 – Uma exposição de fotografias tiradas por crianças Moçambicanas, dos 10 aos 14 anos de idade, abre no Sábado dia 21 de Outubro no Centro Cultural Franco Moçambicano, no âmbito da Photofesta 2006.

A exposição Crianças com Câmaras é um iniciativa conjunta organizada pela Associação Moçambicana de Fotografia e apoiada pelo UNICEF, para criar oportunidades para as crianças se expressarem nos assuntos que as afectam.

No âmbito do projecto, mais de 30 crianças de duas escolas primárias – uma escola da cidade e uma escola rural - participaram numa série de workshops com fotógrafos profissionais.  Através da aprendizagem de fotografia, as crianças olharam para o seu meio com uma nova perspectiva e trouxeram à luz a diversidade e as disparidades que existem nas suas comunidades.

Cada jovem fotógrafo escolheu uma das suas fotografias para esta exposição. As fotografias ilustram como elas vêm o mundo a sua volta e retratam tanto os aspectos positivos como os negativos de crescer em Moçambique.

A exposição faz parte das celebrações do 60° aniversário do UNICEF a nível global e de mais de 30 anos de presença em Moçambique como parte da família das Nações Unidas. Dar voz às crianças e envolvê-las no diálogo e intercâmbio nos seus próprios termos, nas suas próprias realidades, na persecução das suas próprias visões, esperanças e preocupações, é um dos princípios básicos do UNICEF desde a sua criação.

“As crianças têm o direito de expressar os seus pontos de vista e a participar nas decisões que afectam as suas vidas,” afirma a Representante do UNICEF Leila Gharagozloo-Pakkala. “Elas têm ideias, experiência e conhecimentos que enriquecem a nossa compreensão do mundo e dos problemas que enfrentamos.”

Em 1946, as Nações Unidas criaram o UNICEF durante a primeira sessão da Assembleia Geral, para dar resposta às milhões de crianças deslocadas e refugiadas que estavam privadas de abrigo, roupa e comida como resultado da Segunda Guerra Mundial. Ao longo das seis décadas desde a sua formação, o UNICEF evoluiu de um fundo de emergência para uma agência de desenvolvimento comprometida com a protecção dos direitos das crianças, onde quer que elas estejam, independentemente das suas condições de vida.

O UNICEF abriu o seu primeiro escritório em Moçambique em 1975. Ao longo dos últimos 30 anos, o UNICEF tem trabalhado com os moçambicanos enfrentando os desafios da guerra, da consolidação da paz, da pobreza, dos desastres naturais e do HIV/SIDA. Partilhou também alguns dos significativos sucessos, tais como a expansão das matrículas no ensino primário de 32 por cento em 1992 para 83 por cento actualmente, e a diminuição da mortalidade infantil de 219 para 152 por 1.000 nados vivos. Hoje, as crianças moçambicanas têm maior probabilidade de viver para além dos 5 anos de vida do que 20 anos atrás, mas os índices de mortalidade continuam altos.  Todos os dias, 320 crianças com menos de 5 anos são perdidas devido a doenças possíveis de prevenir e de tratar, tais como a malária, infecções respiratórias e diarreia.
 
O Programa de Cooperação entre o Governo de Moçambique e o UNICEF para os próximos três anos tem em vista reduzir as disparidades no bem estar das crianças. O programa apoia os esforços nacionais para melhorar a prestação de serviços para crianças ao nível da nutrição e saúde, educação básica, água, saneamento e higiene, protecção, política social, advocacia e comunicação. Intervenções para apoiar as crianças e as famílias infectadas e afectadas pelo HIV e SIDA são transversais à todos os aspectos do programa. 

Sobre a exposição

O público e a imprensa estão convidados a participar na abertura da exposição no Centro Franco Moçambicano, no dia 21 de Outubro, das 14H00 às 15H00. As crianças que participaram nos workshops estarão também presentes. A exposição estará aberta até 15 de Novembro.

Para mais informações queira contactar:

Thierry Delvigne-Jean, Comunicação, UNICEF Maputo: (+258) 21 481100, tdelvignejean@unicef.org    

Emidio Machiana, Comunicação, UNICEF Maputo: (+258) 820305100, emachiana@unicef.org

Grant Lee Neuenburg, Comissário Geral, Photofesta Maputo 2006, (+258) 82 8871420, photofestamaputo@yahoo.com

 

 
Search:

 Email this article

unite for children