Centro de prensa

Últimos comunicados de prensa

Actualidad

Convocatorias de prensa

Notas de prensa de otras fuentes

Historias de vida

Recursos audio visuales

Medios aliados

UNICEF en las Redes sociales

Documentos de referencia

 

Jovens baianos representam aldeia Pataxó em sessão da ONU nos Estados Unidos

Salvador, 16 de abril – Urapinã Pataxó, ou Danilo Lacerda, de 15 anos, e Kâhu Pataxó, ou Maicon Soares, 19 anos, vão representar a Aldeia Indígena Pataxó de Coroa Vermelha, localizada em Santa Cruz Cabrália (BA), na IX Sessão do Fórum Permanente das Nações Unidas sobre Questões Indígenas, que acontece em Nova Iorque, de 19 a 30 de abril. Eles foram convidados pelo UNICEF para relatar a situação das crianças e dos adolescentes da comunidade onde moram e fazer recomendações para a garantia de uma boa qualidade de vida para meninas e meninos indígenas do Brasil.

 

O Fórum Permanente é o espaço em que as principais lideranças indígenas do mundo dialogam em condições de igualdade com gestores de países-membros das Nações Unidas. Este ano, a comunidade internacional vai discutir o tema “Povos Indígenas:desenvolvimento com cultura e identidade”. E adolescentes como Urapinã e Kâhu, vindos de diferentes partes do mundo, terão a oportunidade de discutir, num encontro paralelo (United Nations Indigenous Youth Caucus), os problemas enfrentados pela mais nova geração dos povos indígenas. Juntos, eles vão construir recomendações que serão apresentadas no Fórum Geral da ONU.

 

Desde 2006, o UNICEF apoia o Projeto Território de Proteção da Criança e do Adolescente, desenvolvido em Coroa Vermelha e com desdobramentos em mais quatro aldeias Pataxós do extremo sul da Bahia. A iniciativa busca desenvolver as capacidades dos adolescentes de autoproteção diante de riscos e violências, especialmente o abuso e a exploração sexual, além de articular e qualificar o trabalho da rede de entidades atuantes na região na área de promoção e defesa dos direitos das crianças e adolescentes.

 

Urapinã integra o grupo de Adolescentes Pataxó Promotores de Cidadania e Kâhu é membro da Comissão de Juventude da Aldeia de Coroa Vermelha. Os dois jovens foram escolhidos por lideranças do povo Pataxó para representar a comunidade no evento da ONU, em função do seu histórico de participação em espaços de debate sobre os direitos da infância e adolescência e as políticas públicas para os povos indígenas.

 

“O UNICEF promove a participação dos adolescentes em espaços de discussão de políticas públicas e processos de decisão de questões que afetam a sua vida, sob a perspective da inclusão e da diversidade. A presença das jovens lideranças Pataxós no Fórum Permanente contribui para assegurar que a sua identidade, a sua cultura e os seus direitos sejam fortalecidos e respeitados”, diz Mário Volpi, coordenador do Programa Cidadania dos Adolescentes do UNICEF no Brasil.

 

Outras informações:

Andréia Neri, aneri@unicef.org, UNICEF Brasil

Tamar Hahn, thahn@unicef.org, UNICEF América Latina y el Caribe

www.unicef.org/lac

 

 

 

 

 

 
unite for children