Onde atuamos

Onde atuamos no Brasil

Grandes centros urbanos

Amazônia

Semiárido

Selo UNICEF Município Aprovado

 

Governo do Maranhão será parceiro do Selo UNICEF

Agenda articulada entre UNICEF e Governo do Estado visa à implementação do Selo em 149 municípios

São Luís, 12 de fevereiro de 2014 – Mobilizar parceiros para potencializar as ações que serão realizadas pelos 149 municípios da Amazônia Legal maranhense que aderiram ao Selo UNICEF Município Aprovado – Edição 2013-2016. Esse foi o principal objetivo do encontro realizado ontem pelo UNICEF, em dois momentos, no auditório do Convento das Mercês, em São Luís. No período da manhã, participaram gestores e técnicos das secretarias de Saúde, Educação, Direitos Humanos, Juventudes e Igualdade Racial. Durante a tarde, estiveram presentes diversos atores do Sistema de Garantia de Direitos: representantes do Ministério Público Estadual, da Defensoria Pública, dos Conselhos Estadual e Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e de várias organizações da sociedade civil, além de conselheiros tutelares.

A coordenadora do escritório do UNICEF em São Luís, Eliana Almeida, apresentou a metodologia a ser desenvolvida nesta edição do Selo, pontuando como cada um dos convidados poderia se somar à iniciativa. “O Selo UNICEF envolve mobilização social, desenvolvimento das capacidades técnicas dos municípios e monitoramento de indicadores sobre a qualidade da vida de crianças e adolescentes. É uma estratégia que tem mais resultados quanto maior for a participação de todos”, reforçou Eliana. “Além de políticas públicas eficientes, a participação ativa da comunidade é essencial para a resolução de muitos problemas que enfrentamos no Maranhão”, concordou o secretário adjunto de Gestão Institucional da Educação, Fernando Silva.

Eliana Almeida convidou todos para que acompanhem as capacitações dos municípios sobre a metodologia do Selo. O primeiro ciclo de capacitações do Selo será dividido em três momentos, considerando o grande número de cidades participantes: de 24 a 26 de fevereiro, de 18 a 20 de março e de 24 a 26 do mesmo mês.

Ainda no evento, adolescentes ligados ao Comitê Juvenil do Fórum dos Direitos de Crianças e Adolescentes (Fórum DCA) estiveram presentes. Leandro Rosa, 17 anos, da Casa da Acolhida Marista, falou de situações de vulnerabilidade vividas por jovens da sua comunidade e que precisam de intervenções imediatas. “A cada dia, crescem a violência e o número de adolescentes assassinados ou envolvidos com o crime. A Polícia, quando entra na comunidade, coloca os adolescentes de joelhos pra fazer a revista. Vemos a repressão, mas vemos pouco de Educação”, refletiu.

A promotora da Infância Fernanda Helena Ferreira destacou a importância do indicador de Gestão de Políticas Públicas que propõe aos municípios que implementem um plano de atendimento a adolescentes em conflito com a lei em meio aberto. “Quanto mais prefeituras tiverem esse tipo de programa em funcionamento, menos adolescentes teremos avançando no envolvimento com a violência e chegando às unidades de privação de liberdade”, lembrou.

Selo UNICEF Município Aprovado
O Selo UNICEF busca universalizar direitos e melhorar a vida de 23 milhões de crianças e adolescentes do Semiárido e da Amazônia Legal Brasileira, fortalecer a gestão municipal e reduzir desigualdades sociais no País. A metodologia é implementada em nove Estados da Amazônia Legal Brasileira em parceria com organizações não governamentais e com o apoio da Petrobras, Fundação Telefônica, Coelce, Cemar, Celpa e Celtins.

Para mais informações
Assessoria de Comunicação do UNICEF
Ida Pietricovsky de Oliveira
Telefones: (91) 3073 5700 e (91) 8128 9022

Assessoria de Comunicação do Instituto Peabiru/Selo UNICEF
Silen Ribeiro
Telefones: (98) 4009 5700; (98) 8143 2932; e (98) 8719 2153

 

 
unite for children