Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

UNICEF firma parceria com portal Brasil África

Objetivo é disseminar iniciativas realizadas no Brasil e nos países da África que ajudem a avançar na área social  

Brasília, 1º de agosto de 2013  O UNICEF acaba de firmar uma parceria com o portal Brasil África (www.brazilafrica.com), cuja proposta é reunir um conjunto organizado de informações, pesquisas e casos que contribuam com a integração entre o País e o continente africano, bem como a busca de soluções para problemas comuns.

Criado pela agência Pepper Interativa e a Diálogo Ideias, o veículo apresenta um banco de soluções com uma plataforma que permite unir necessidades na área social, soluções e financiamento para que projetos sejam implantados na África. O portal também traz informações sobre a cultura africana, investimentos para empresários brasileiros e demandas prioritárias para governos e empresas africanas.

O UNICEF contribuirá com o banco de soluções, fornecendo informações sobre trabalhos de sucesso realizados pela organização em prol da garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes, que podem inspirar iniciativas semelhantes no Brasil e na África. Por meio do portal, os internautas também poderão acessar o sistema do UNICEF no Brasil e fazer doações para a realização de iniciativas no país.

Segundo a diretora da agência digital Pepper Interativa, Danielle Fonteles, a proposta do portal visa, ainda, driblar a visão estereotipada sobre a África. “Geralmente, recebemos apenas notícias negativas do continente africano, deixando de lado o salto econômico que registra, a maturidade política e a sua força cultural. Sabemos muito mais sobre Estados Unidos e Europa do que sobre a África”, acredita.

Mais informações: www.brazilafrica.com

 

 
unite for children