Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Projeto capacita adolescentes e jovens para que façam o mapeamento dos problemas da cidade

© Alan Santos/Prefeitura Municipal de Eusébio

Brasília/Fortaleza/Rio de Janeiro, 22 de abril de 2013 – Entre os dias 26 e 28 de fevereiro, cerca de 60 adolescentes e jovens, de 12 a 20 anos de idade, além de agentes de saúde e de endemias e técnicos de Proteção e Defesa Civil dos municípios de Eusébio e Fortaleza e do Governo do Ceará, participaram de uma capacitação sobre a metodologia de mapeamento digital de riscos. A oficina Mapeamento Digital de Riscos Socioambientais Guiado pela Adolescência e Juventude, promovida pelo UNICEF e realizada pelo Centro de Promoção da Saúde (Cedaps/Rio de Janeiro), em Eusébio (CE), capacitou adolescentes e jovens para que possam identificar locais que tenham riscos em suas comunidades.

Além da parte teórica, os participantes realizaram exercícios práticos, nos quais identificaram situações de risco ambiental em suas comunidades, com o uso de telefones celulares e câmeras fotográficas acopladas a mecanismos de baixo custo como pipas e balões. Apesar de o município ter bons serviços públicos, as imagens captadas pelos celulares mostraram algumas situações que oferecem riscos à saúde, como lixo acumulado próximo de escolas, reservatórios com água acumulada, além de outros problemas ambientais que a administração municipal prometeu resolver no menor prazo possível.


Mapa gerado a partir das imagens captadas pelos adolescentes em Eusébio (CE). Clique na imagem para ampliá-la.

© Alan Santos/Prefeitura Municipal de Eusébio

As técnicas do mapeamento digital foram desenvolvidas pelo Mobile Experience Lab do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), e pelo Laboratório Público de Ciência e Tecnologia Aberta (Public Lab) que, junto com técnicos do UNICEF, realizaram a capacitação da equipe do Cedaps em agosto de 2011. Desde então, o Cedaps já implementou o projeto em 10 comunidades da cidade do Rio de Janeiro: Andaraí, Borel, Batan, Cidade de Deus, Complexo do Alemão, Macacos, Prazeres, Rocinha, Salgueiro e Urubu. Como resultado, foram formados mapas da situação de cada localidade que devem servir de embasamento para a elaboração de Planos Locais de Ação. O mapeamento foi entregue às autoridades cariocas para as devidas providências, visando resolver os problemas apontados. No Ceará, a expectativa é que o mesmo seja feito em relação ao que foi diagnosticado no município de Eusébio.

Pesquisa Desastres e Infância – Outro mapeamento que o UNICEF está fazendo, este em parceria com o governo federal, é em relação à situação das crianças e dos adolescentes antes, durante e após as emergências e os desastres naturais. Estão levantando informações sobre ações de redução de riscos de desastres e as condições de atendimento às crianças e aos adolescentes em situações de emergência. Esse levantamento está sendo feito por meio de uma pesquisa on-line que deve ser respondida por todos os coordenadores estaduais e municipais de Defesa Civil até o próximo dia 31 de maio. Os resultados serão utilizados para a elaboração de propostas de redução de risco de desastres em parceria com as escolas e outros programas sociais.

Somente as coordenações estaduais e municipais de proteção e defesa civil podem responder o questionário da pesquisa Desastres e Infância e para isso é necessário solicitar o login e senha na parte de contatos do site da pesquisa. A pesquisa está disponível, até 31 de maio, em http://www.nuteds.ufc.br/unicef.

Verifique se o seu município tem Coordenação Municipal de Proteção e Defesa Civil (COMPDEC) e se já respondeu a pesquisa.

Mais informações sobre o mapeamento no Ceará e a Pesquisa Desastres e Infância
Escritório do UNICEF em Fortaleza
Telefone: (85) 3306 5700 ou (85) 33065710

 

 
unite for children