Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Dia Mundial de Luta contra a Aids: mais mulheres grávidas e crianças precisam receber tratamento, diz UNICEF

Nova Iorque, 28 de novembro de 2012 – O número de novas infecções entre as crianças vem caindo, mas para atingirmos a meta de uma geração livre da aids será necessário tratar um número maior de mulheres grávidas e crianças que vivem com o HIV, declarou o UNICEF hoje.

Graças a um notável compromisso global, o mundo assistiu a uma redução de 24% no número de novas infecções pelo HIV em crianças: de 430 mil em 2009 para 330 mil em 2011.

E desde dezembro de 2011, aumentou em mais de 100 mil o número de crianças que estão recebendo tratamento antirretroviral, em comparação com 2010.

Contudo, menos de um terço das crianças e mulheres grávidas recebe o tratamento de que necessitam, em comparação com a média global de 54% entre todos os adultos.

“É simplesmente errado que os adultos tenham uma possibilidade duas vezes maior do que as crianças de receber o tratamento de que necessitam”, declarou Anthony Lake, diretor executivo do UNICEF. “Por definição, uma geração livre da aids depende de protegermos os mais jovens e mais vulneráveis contra a infecção pelo HIV. Devemos nos esforçar ainda mais para ajudar as mães e as crianças vivendo com HIV a ficar livres da aids. Devemos nos dedicar ainda mais a aumentar o número de mulheres grávidas e crianças que fazem o teste e recebem tratamento por meio de programas de cuidados pré-natais e de saúde infantil.”

O tratamento de mulheres grávidas soropositivas não apenas as mantém vivas e em boa saúde, como também evita que seus bebês adquiram o HIV durante a gravidez, o parto e o período de amamentação. Ademais, o tratamento pode impedir a transmissão sexual do HIV por uma mulher soropositiva a um parceiro soronegativo.

Trabalhar para interromper novas infecções do HIV entre crianças, até o ano de 2015, e manter suas mães vivas: esse é um elemento chave do compromisso geral do UNICEF no contexto do movimento global pela sobrevivência infantil “Uma Promessa Renovada”.

Mais informações
Kate Donovan
UNICEF Nova Iorque
Telefone: + 1 212 303 7984
Celular: + 1 917 3781 2128
E-mail: kdonovan@unicef.org

Sarah Crowe
Porta-voz do diretor executivo do UNICEF
Telefone: + 1 212 326 7206
Celular: + 1 646 209 1590
E-mail: scrowe@unicef.org

 

 
unite for children