Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Comunidade avalia o avanço nas políticas da infância e adolescência

Mais de 900 municípios em todo o Semiárido e Amazônia Legal brasileira realizam o 2º Fórum Comunitário do Selo UNICEF Município Aprovado Edição 2009-2012

© UNICEF/BRZ/Lucas Cardim

Brasília, 24 de julho – Mais de 900 municípios de 19 Estados brasileiros promoveram o 2º Fórum Comunitário do Selo UNICEF Município Aprovado Edição 2009-2012. Organizados pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, com apoio da Comissão Municipal Pró-Selo, os fóruns abriram espaço para a participação da comunidade, convidada a conhecer e avaliar as ações e os resultados alcançados no seu município com o processo do Selo UNICEF.

Promovido pelo UNICEF em parceria com a Petrobras, Rede Energia e Coelce, além de diferentes parceiros técnicos estaduais, a atual edição do Selo UNICEF começou em 2009. Busca incentivar, monitorar e reconhecer mudanças concretas na vida dos meninos e meninas no Semiárido e Amazônia Legal brasileira. Em 2010, cada município participante realizou o 1º Fórum Comunitário para discutir abertamente a realidade a situação da infância e adolescência e construir um Plano de Ação Municipal. Agora em 2012, a comunidade voltou a ser envolvida para avaliar as ações e resultados alcançados. Desta vez, o fórum foi acompanhado por um mediador contratado e capacitado pelo UNICEF.

Uma experiência significativa de participação social, o Fórum contou com a presença de diferentes setores da comunidade, incluindo crianças e adolescentes. Para as comissões municipais Pró-Selo, o Fórum também representou um momento de culminância do processo de mobilização local.

"Os fóruns são momentos para reflexão da comunidade, entendendo que as políticas públicas devem ser executadas pelo município com a participação da própria comunidade e esta deve saber cobrar e valorizar esse trabalho", explicou Sandra Pimenta, a articuladora do Selo no município de Montalvânia, em Minas Gerais.

Esta é a terceira vez que a iniciativa do UNICEF é realizada em Minas Gerais e é também a terceira participação de Montalvânia, cidade localizada no Norte do Estado. Nas duas outras edições, o município melhorou os indicadores sociais nas áreas da educação, saúde, assistência e promoção e conquistou a certificação internacional. Sandra Pimenta afirmou que participar mais uma vez é uma forma de fortalecer as políticas públicas para a infância, propiciando melhorias na qualidade de vida das crianças e dos adolescentes residentes no município.

No município de Pancas, no Semiárido do Espírito Santo, o 2º Fórum Comunitário foi realizado no dia 4 de julho, com 140 participantes. “A comunidade pôde verificar os resultados do Plano Municipal de Ação, elaborado em 2010. Organizamos no mesmo espaço uma grande exposição dos temas de Participação Social, com maquetes, brinquedos, objetos diversos, artesanato, sendo essas as atividades realizadas em sala de aula, pelos alunos da rede municipal e particular de ensino. Sentimos a sensação de tarefa cumprida. As crianças e os adolescentes de Pancas conheceram e vivenciaram um município melhor”, destacou o articulador municipal do Selo UNICEF.

O balanço positivo sobre o evento também foi feito em Milagres do Maranhão, no Semiárido maranhense. “Tivemos uma boa participação da comunidade, bem como de segmentos da gestão pública local. E todos nós, que fazemos do Selo UNICEF, ficamos felizes por essa realização, principalmente pela certeza de estarmos contribuindo para a melhoria da qualidade de vida de crianças e adolescentes”, avaliou Raimunda Coriolano da Silva Oliveira, articuladora municipal do Selo.

A participação das crianças e dos adolescentes foi marcante no 2º Fórum de Ocara, em Alagoas. “As crianças desempenharam um papel importante na apresentação dos resultados do Plano de Ação traçado em 2010, para que todos pudessem conhecer e avaliar os resultados do trabalho desenvolvido para avançar na garantia dos direitos de cada menina e menino”, ressaltou a articuladora municipal do Selo.

A articuladora municipal Júlia Medeiro, do município de Carnaíba, em Pernambuco, disse que “o Selo mostrou um caminho de união das secretarias que se intensificou ao longo dos últimos anos. O 2º Fórum Comunitário serviu para avaliar os trabalhos realizados, aparando arestas entre os diversos setores municipais e apresentando detalhadamente as nossas ações, com qualidades e dificuldades”.

No Rio Grande do Norte, a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Pau dos Ferros, Alexandrina Silva, expôs os desdobramentos dos planos de ação que estavam ligados à assistência social, à educação e à saúde. “Apresentamos para a comunidade as atividades desenvolvidas, os seus resultados e os prazos em que aconteceram, assim como as dificuldades encontradas e as lições obtidas dentro de todo esse processo.”

“O Selo UNICEF e os Fóruns Comunitários coroam a atitude de ver tanto a criança quanto a cidade de uma maneira holística. Focamos nossa política para que essa criança aprenda a ler, aprenda um esporte, tenha um bom ambiente familiar, se desenvolva na sociedade”, disse Marta Ramalho, prefeita de Bananeiras, na Paraíba.

Vale também conferir mais notícias e fotos divulgadas pelos municípios:
Granito (PE) – http://selogranito.blogspot.com.br
Itapiúna (CE) – http://www.itapiuna.com/2012/06/itapiuna-realiza-2-forum-comunitario-do.html
Morros (MA) – http://adpselounicefmorros.wordpress.com
São João dos Patos (MA) – http://adolescentesproselosjp.wordpress.com/2012/07/03/2o-forum-comunitario-selo-unicef-sao-joao-dospatos
Minas Gerais – http://oficinadeimagens.org.br/blogdoselo/index.php/noticias/64-municipios-mineiros-realizam-foruns-comunitarios

 

 
unite for children