Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Direitos da criança e do adolescente ganham espaço na Feira Literária Internacional do Tocantins

O direito de aprender, brincar e crescer sem violência são temas de atividades promovidas pelo UNICEF, em parceria com a Celtins e o Governo do Estado do Tocantins

© Flit 2012

Belém/São Luís, 6 de julho – O direito de aprender, brincar e crescer sem violência de cada criança e adolescente fazem parte da programação da Feira Literária Internacional do Tocantins, que começa nesta sexta-feira, 6 de julho, e segue até o próximo dia 15, na Praça dos Girassóis, em Palmas (TO). Atividades estão sendo promovidas pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), em parceria com a Celtins e o Governo do Estado do Tocantins.

Nos dias 11 e 12 de julho, serão realizadas duas oficinas voltadas para professores, apresentando a metodologia do Baú de Leitura e da Brinquedoteca. Durante as atividades, serão sorteados um Baú de Leitura e uma Brinquedoteca entre os participantes. A escola/professor que for sorteado receberá, no início do segundo semestre letivo, um Baú da Leitura e uma Brinquedoteca, além de uma capacitação para toda a equipe.

Infância sem racismo – No dia do aniversário do Estatuto da Criança e Adolescente, 13 de julho, será realizada a oficina Por uma infância sem racismo, sob a coordenação da Comsaude. A atividade faz parte da campanha Por uma infância sem racismo, promovida pelo UNICEF e parceiros. O objetivo é sensibilizar e preparar professores e gestores da Educação para que contribuam com a superação do racismo e valorização da identidade e cultura afro-brasileira e indígena.

“Cada criança precisa ter sua cultura, sua identidade respeitada e valorizada na escola. Os meninos e meninas negros e indígenas devem ser acolhidos, sem preconceito ou discriminação. Só assim terão o seu direito de aprender realmente garantido”, destaca Eliana Almeida, coordenadora do escritório do UNICEF em São Luís e ponto focal do tema da Educação para a Região Amazônica.

Ainda no dia 13, Eliana Almeida participará do lançamento da primeira campanha estadual Tocantins sem Racismo, uma iniciativa da Secretaria de Educação do Estado do Tocantins, em parceria com o Fórum Estadual e os Fóruns Regionais de Educação e Cultura Afro-Brasileira e Africana. O evento será no Auditório da Assembleia Legislativa do Tocantins, das 8h às 12h.

Serviço
O quê: Oficina Baú de Leitura
Quando: Quarta-feira 11 de julho, das 8h às 18h
Onde: Praça dos Girassóis, Palmas (TO)

O quê: Oficina Brinquedoteca
Quando: Quinta-feira 12 de julho, das 8h às 18h
Onde: Praça dos Girassóis, Palmas (TO)

O quê: Oficina Infância sem racismo
Quando: Sexta-feira 13 de julho, das 8h às 18h
Onde: Praça dos Girassóis, Palmas (TO)

O quê: Lançamento da Campanha “Tocantins sem Racismo”
Quando: Sexta-feira 13 de julho, das 8h às 12h
Onde: Auditório da Assembleia Legislativa do Tocantins, em Palmas (TO)

Informações para imprensa:
Assessoria de Comunicação do UNICEF em Belém
Ida Pietricovsky de Oliveira
Telefone: (91) 3073 5700
E-mail: ipoliveira@unicef.org

Assessoria de Comunicação do UNICEF em São Luís
Immaculada Prieto
Telefone: (98) 4009 5700 ou 8111 7492
E-mail: iprieto@unicef.org

 

 
unite for children