Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

As unidades de saúde são vitais para a promoção do aleitamento materno, diz UNICEF

© UNICEF/BRZ/João Ripper

Nova Iorque, 30 de julho – Na Semana Mundial da Amamentação, o UNICEF e seus parceiros estão incentivando os profissionais de saúde para estimular mães a amamentarem seus filhos.

"O leite materno é a melhor alimento para o bebê. A amamentação dá à criança o melhor começo possível na vida", disse Anthony Lake, Diretor Executivo do UNICEF.

As informações que as mães recebem de profissionais de saúde exerce uma forte influência sobre suas atitudes frente à amamentação. Estes profissionais podem desempenhar um papel vital ao incentivar as novas mães a amamentar seus recém-nascidos.

Embora os benefícios para as crianças sejam indiscutíveis, a taxa global de aleitamento materno exclusivo nos primeiros seis meses de vida ainda é apenas de 37%. O UNICEF trabalha com governos e parceiros para aumentar o apoio e o incentivo às mães lactantes, incluindo o fortalecimento do trabalho dos profissionais de saúde, conselheiros, grupos de mãe, trabalhadores humanitários em situações de emergência, legisladores e redes sociais. Vários países, incluindo alguns dos menos desenvolvidos no mundo, têm demonstrado que é possível empreender progressos significativos.

O tema da Semana Mundial da Amamentação de 2010 (de 1 a 7 agosto), promovida pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (WABA) e UNICEF é Amamentação: Apenas 10 Passos - o Caminho Amigo do Bebê.

As 10 etapas, inicialmente publicada pela OMS e UNICEF, em 1989, convoca cada centro de atendimentos de saúde para mulheres grávidas, parturientes e recém-nascidos a:

1. Ter uma política de aleitamento materno escrita que seja rotineiramente transmitida a toda equipe de saúde.
2. Treinar toda a equipe de cuidados de saúde nas habilidades necessárias para implementar essa política.
3. Informar todas as gestantes sobre as vantagens e os procedimentos do aleitamento materno.
4. Ajudar as mães a iniciar a amamentação dentro de 30 minutos após nascimento.
5. Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se vierem a ser separadas de seus filhos.
6. Não dê ao recém-nascido nenhum outro alimento ou bebida além do leite materno sem indicação médica.
7. Praticar o alojamento conjunto - permitir que mães e bebês permaneçam juntos - 24 horas por dia.
8. Encorajar a amamentação sob demanda.
9. Não dar bicos artificiais ou chupetas para lactentes.
10. Promover a criação de grupos de apoio à amamentação e encaminhar as mães para eles após a alta do hospital ou clínica.

Especialistas do UNICEF acreditam que as 10 etapas deve ser a prática corrente em todas as instalações da maternidade. O apoio à amamentação nas unidades de maternidade deve ser complementado por cuidados de saúde primários, pelo apoio à comunidade local de trabalho para alcançar as mães e por informações para as mães que têm seus filhos em casa.

Semana Mundial de Amamentação
A Semana Mundial da Amamentação foi celebrado pela primeira vez em 1992 e agora é promovida em mais de 120 países pelo UNICEF e seus parceiros, incluindo a Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (WABA) e a OMS. O objetivo é promover o aleitamento materno exclusivo durante os seis primeiros meses de vida, que proporciona enormes benefícios para a saúde, fornecendo nutrientes essenciais, a proteção contra doenças como a pneumonia, além de promover o crescimento e desenvolvimento. A amamentação continuada até os dois anos de idade ou mais, combinado com uma alimentação complementar adequada, é a melhor opção para a nutrição da criança.

Pacote de mobilização para a amamentação
A Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (WABA) é uma rede global de indivíduos e organizações envolvidas com a proteção, promoção e apoio ao aleitamento materno no mundo inteiro. A WABA possui um pacote de mobilização disponível no site: http://www.worldbreastfeedingweek.org

Sobre o UNICEF
O UNICEF desenvolve trabalho de campo em mais de 150 países e territórios com o objetivo de ajudar as crianças a sobreviver e a se desenvolver, desde a infância até a adolescência. Sendo o maior fornecedor mundial de vacinas para países em desenvolvimento, o UNICEF apoia a saúde infantil e a nutrição, o fornecimento de água potável e saneamento, a promoção da educação básica de qualidade para todos, e a proteção das crianças contra a violência, a exploração e o HIV/aids. O UNICEF é inteiramente financiado por contribuições voluntárias de pessoas físicas, empresas, fundações e governos. Para obter mais informações sobre o UNICEF e seu trabalho, visite: www.unicef.org.

Para obter informações adicionais, favor contatar:
Brian Hansford, UNICEF Media, New York, + 1 212 326-7269, bhansford@unicef.org
Christian Moen, UNICEF Media, New York, +1 212 326-7516, cmoen@unicef.org

 

 
unite for children