Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Baú de Leitura recebe Prêmio ODM Brasil

Projeto que conta com o apoio do UNICEF é uma 20 ações que mais contribuíram, em 2009, para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

© UNICEF/BRZ/Manuela Cavadas

Brasília, 11 de março – O Projeto Baú de Leitura é uma das 20 experiências vencedoras da 3ª Edição do Prêmio ODM Brasil, iniciativa do governo federal e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) em parceria com empresas do setor privado. Desde 2004, o prêmio reconhece as ações que mais contribuíram para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODMs). O Movimento de Organização Comunitária (MOC), que realiza o projeto na Bahia, receberá a certificação no próximo dia 24 de março, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília, DF.

O projeto foi desenvolvido com o apoio técnico e financeiro do UNICEF no Brasil. A iniciativa foi criada em 1999, na Bahia, com o objetivo de qualificar as atividades complementares à escola oferecidas para estudantes de 6 a 16 anos de idade atendidos pelo Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), nas chamadas Unidades da Jornada Ampliada (UJA). Com os bons resultados alcançados, ultrapassou as fronteiras do Estado: além de ser realizada em 98 municípios da Bahia, também acontece em 43 municípios do sertão sergipano, promovida pelo Centro Dom José Brandão de Castro (CDJBC), e em 18 municípios alagoanos, como parte das atividades de um novo Pontão de Cultura, em Palmeira dos Índios, coordenado pelo Movimento pró-Desenvolvimento Comunitário.

A experiência do Baú de Leitura na Bahia foi selecionada entre 1.477 práticas inscritas por organizações da sociedade civil e prefeituras municipais como uma das mais bem-sucedidas experiências de educação integral e contextualizada do Brasil. Na seleção dos projetos vencedores, a comissão julgadora utilizou critérios como contribuição para o alcance dos ODM, impacto no público atendido, participação da comunidade, existência de parcerias, potencial de ser multilplicada e complementaridade e/ou articulação com outras políticas públicas.

O projeto contribui para o desenvolvimento e a capacidade de escrita e de interpretação de textos de crianças que estudam em escolas públicas da zona rural da Bahia, Alagoas e Sergipe. Monitores capacitados desenvolvem atividades com meninas e meninos, utilizando o conteúdo do Baú, que dispõe de material didático, dicionário e dezenas de livros de histórias infanto-juvenis. A ideia é contribuir para que essas crianças melhorem seu desempenho escolar e estimular sua capacidade crítica.

A iniciativa também promove a capacitação continuada de técnicos municipais, professores e educadores sociais, o fortalecimento da gestão da educação e a participação das crianças e adolescentes na comunidade e no município, por meio de sua atuação em conselhos, associações e sindicatos.

Desde seu lançamento, o projeto já garantiu o direito de aprender a mais de 30 mil crianças e adolescentes na Bahia, beneficiando cerca de 1.600 famílias de comunidades rurais.

Atualmente, cerca de 1.200 baús transitam por escolas municipais e espaços alternativos de aprendizagem. São mais de 50 mil livros infanto-juvenis em circulação no Estado.

Um dos fatores de sucesso da iniciativa é o modelo de parcerias estratégicas firmadas com o governo federal (por meio dos Ministérios do Desenvolvimento Agrário e do Desenvolvimento Social), o governo da Bahia (Secretaria de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte e Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza), prefeituras municipais, universidades, organizações da sociedade civil e as próprias famílias.

Esta é a segunda vez que o MOC recebe a premiação. A primeira, em 2004, contemplou o Projeto Mãos que Trabalham.

Políticas públicas – Recentemente, o Projeto Baú de Leitura também ganhou status de política pública. Em 2009, alcançou escolas da rede municipal de 47 municípios da Bahia, com muitas prefeituras assumindo parcial ou integralmente as despesas com aquisição de material e capacitação de pessoal.

Em fevereiro, um convênio assinado pela Secretaria de Educação do Estado da Bahia e o MOC garantiu a ampliação da iniciativa para os 51 municípios do Semiárido baiano que apresentam indicadores sociais mais críticos. O compromisso foi articulado dentro do Comitê Gestor Estadual do Pacto Nacional Um mundo para a criança e o adolescente do Semiárido. É resultado de uma ampla discussão sobre educação no campo, que culminou em dois seminários com a participação de gestores da educação, técnicos municipais, professores de escolas públicas e educadores atuantes em ONGs e/ou projetos sociais.

Mais informações:
Assessoria de Comunicação do UNICEF
Andréia Neri – E-mail: aneri@unicef.org
Telefone: (71) 3183 5700
Assessoria de Comunicação do MOC
Lorena Amorim – E-mail: lorena.amorim@moc.org.br
Telefone: (75) 3322 4444

 

 
unite for children