Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

UNICEF amplia esforços para alcançar cada criança haitiana que precisa de ajuda

© UNICEF/NYHQ2010-0154/Noorani
Garotas seguram cobertores no orfanato de Foye Zanmi Jezi, em Lilavois bairro de Porto Príncipe. Os cobertores são parte de um carregamento que também equipou com camas, artigos de higiene, roupas e calçados, milhares de crianças vivendo em abrigos.

Por Roshan Khadivi

Porto Príncipe, 9 de fevereiro – Na semana passada, num dia quente e empoeirado da capital haitiana, o novo Centro de Logística do UNICEF estava agitado. Cinquenta pessoas carregavam caminhões com kits de higiene para envio imediato às comunidades atingidas pelo terremoto em Porto Príncipe e Jacmel.

Assita o vídeo (em inglês)

Os próprios funcionários locais foram diretamente afetados pelo desastre que atingiu o Haiti no dia 12 de janeiro. “Ainda assim, eles apareciam a cada dia, ansiosos para enviar os suprimentos o mais rápido possível para outros haitianos que precisavam de ajuda”, disse o especialista em logística do UNICEF, Sebastien Laplanche.

O antigo depósito do UNICEF na capital foi bastante danificado durante o terremoto. O novo centro de logística em Porto Príncipe passa a funcionar como armazém e centro de operações para a entrega de suprimentos para crianças em situação de emergência no Haiti, onde quase 40% da população têm menos de 14 anos de idade.

Depósitos para Suprimentos
As instalações consistem em três grandes galpões, onde cada um tem a capacidade de armazenar 240m2  de suprimentos . Nos próximos dias, o numero de galpões irá aumentar para 11.

Os galpões de armazenamento fornecem espaço para todos os suprimentos que chegam por via aérea ou por estrada, vindos do Centro Regional de Emergência do UNICEF na República Dominicana, do Escritório Regional no Panamá, do Centro de Logística do UNICEF em Copenhague na Dinamarca, dentre outros lugares.

“Nós temos kits de saúde, kits para parteiras, medicamentos com micronutrientes, equipamentos médicos, kits básicos de água para família”, disse o supervisor de armazenagem do UNICEF, Christian Dehoux, chamando a atenção para suprimentos que chegam ao país para distribuição aos centros de atenção básica de saúde e hospitais.



© UNICEF/NYHQ2010-0147/Noorani
No aeroporto de Porto Príncipe, funcionários do UNICEF descarregam pacotes de itens essenciais, para serem distribuídos a 50 mil crianças afetadas pelo terremoto.

Água segura é vital
“Os kits de água são particularmente importantes, já que muitas crianças estão vivendo em condições de higiene inadequadas e em campos improvisados”, disse Christian Dehoux, que chegou ao Haiti, vindo de Copenhague, quatro dias depois do terremoto. Ele acrescentou: “Elas sobreviveram ao terremoto e nós queremos protegê-las da diarréia e outras doenças causadas pela água, especialmente com a chegada da estação chuvosa”.

A infraestrutura destruída do país causou problemas de logística para as organizações humanitárias. O UNICEF está trabalhando com as ONG e parceiros do setor público e privado, para entregar de forma efetiva, os suprimentos, além de prestar assistência às famílias em Porto Príncipe e nas cidades mais próximas como: Carrefour, Leogane, Petit Goave e Jacmel.

Um dos recentes carregamentos de suprimentos garantiu artigos de higiene, roupas, calçados, cobertores e colchões, para 3 mil crianças vivendo em abrigos, em Porto Príncipe.

Funcionários ao redor do mundo
Em quatro semanas desde o terremoto, o UNICEF já enviou funcionários experientes de todo o mundo para o país. Eles estão trabalhando 24 horas por dia com parceiros num esforço de atender cada criança afetada pelo terremoto.

“Nosso objetivo operacional é proporcionar apoio, suprimentos e logística de qualidade que permitam ao UNICEF e seus parceiros colocarem cada criança de volta às aulas, apoiar clínicas de atenção básica de saúde, melhorar a higiene e assegurar água potável para aqueles que necessitam”, explicou o chefe de operações, Thomas Haettenschwiller.

 

 

 

 

Doações para o Haiti

O escritório do UNICEF no Brasil encerrou, no último dia 1° de abril, sua campanha de arrecadação de recursos para o Haiti.

Caso queira ajudar a garantir os direitos das crianças e adolescentes brasileiros, saiba como contribuir com nossos programas.
unite for children