Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

HIV/aids: países do sul traçam novos planos de ação

Reunidas em Fortaleza, autoridades da saúde de oito países discutem desafios comuns na prevenção e tratamento da epidemia

Fortaleza, 11 de março – Autoridades do setor de saúde de Bolívia, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Nicarágua, Paraguai, São Tomé e Príncipe e Timor Leste reúnem-se em Fortaleza, Ceará, nesta quarta e quinta-feira (11 e 12 de março) para discutir a cooperação da Rede Laços Sul-Sul. A iniciativa, coordenada pelo Centro Internacional de Cooperação Técnica em HIV/aids (CICT) e pelo governo brasileiro, envolve esses países e agências da ONU, incluindo UNAIDS, UNICEF e UNFPA.

No encontro de Fortaleza, devem ser aprimorados os processos de cooperação entre os países da rede por meio da revisão das ações implementadas a partir da última reunião do grupo, realizada em Assunção (Paraguai) em 2007.

Entre os resultados esperados estão a avaliação das conquistas em termos do acesso universal à prevenção, ao diagnóstico e ao tratamento; atualização e intercâmbio de informações técnicas sobre o enfrentamento da aids nos oito países; planos de ação para 2009; recomendações de ações estratégicas; além da documentação, sistematização e intercâmbio de boas práticas, materiais e estratégias relacionadas à prevenção e ao tratamento do HIV e da aids.

A reunião pretende também contribuir para a ampliação das ações de prevenção de base comunitária, com foco principalmente em mulheres e jovens de ambos os sexos. Em pauta, estão, ainda, os desafios comuns no acesso a insumos de prevenção e tratamento. A UNESCO, que participa pela primeira vez de uma reunião da Rede, focará a inter-relação entre HIV e o setor educação.

O Centro Internacional de Cooperação Técnica em HIV/aids (CICT) é uma iniciativa conjunta do governo brasileiro e do UNAIDS, que tem por missão apoiar os países em desenvolvimento no aprimoramento de suas respostas à epidemia de HIV, por meio do estabelecimento de programas de cooperação técnica pautados pelo princípio da horizontalidade – a cooperação sul-sul.

O CICT também é apoiado pela cooperação alemã no Brasil (por meio da GTZ), pelo Departamento para o Desenvolvimento Internacional do Reino Unido (DFID), pela Embaixada dos Países Baixos e agências do Sistema das Nações Unidas no Brasil.

Participam do encontro, entre outras, as seguintes autoridades:
• Mariângela Simão – Diretora do Programa Nacional de DST e Aids do Ministério da Saúde do Brasil.
• Esperanza Martinez – Ministra da Saúde do Paraguai.
• Pedro Chequer – Coordenador do UNAIDS no Brasil e Ponto Focal do UNAIDS para Cooperação entre Países de Língua Portuguesa.
• Jimmy Kolker – Diretor do Programa de Aids do UNICEF.
• Nils Kastberg – Diretor Regional do UNICEF para a América Latina e o Caribe.
• Marie-Pierre Poirier – Representante do UNICEF no Brasil.
• Alanna Armitage – Representante do UNFPA no Brasil e Diretora de País para a Argentina e o Paraguai.
• Vincent Defourny – Representante da UNESCO no Brasil.

A iniciativa Laços Sul- Sul (LSS) foi lançada em 2004 pelo governo brasileiro para reforçar o enfrentamento à epidemia de aids. Atualmente reúne outros sete países: Bolívia, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Nicarágua, Paraguai, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.

O acordo prevê um compromisso comum desses oito países para assegurar o acesso universal à prevenção, ao tratamento do HIV/aids e à assistência, em uma perspectiva de atenção integral. A iniciativa promove a solidariedade entre os países participantes e um modelo de cooperação horizontal por meio do intercâmbio de informações e a elaboração conjunta de estratégias e planos de ação.

Em dezembro de 2008, a iniciativa recebeu prêmio na Sede da ONU em Nova Iorque, como reconhecimento dos resultados alcançados pela cooperação sul-sul entre os países da rede e seus parceiros.

Mais Informações
Alexandre Magno – UNICEF
(61) 3035 1947

Etienne França – UNFPA
(61) 3038 9259

Programa Nacional de DST e Aids
(61) 3448 8088/8100

 

 
unite for children