Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Comunicadores e pesquisadores latino-americanos reúnem-se no Piauí

© UNICEF/BRZ/Emanuelle Lobo
Experiência do UNICEF é apresentada em seminário.

UNICEF apresenta experiência de mobilização de radialistas em todo o Brasil

Teresina, 28 de julho – De 24 a 26 de julho, cerca de 670 participantes de vários Estados brasileiros e diferentes países latino-americanos, como Equador, Chile e Guatemala, estiveram reunidos para aprofundar a discussão e o aprendizado sobre a comunicação e o rádio para o desenvolvimento comunitário, durante o Seminário Latino-Americano de Comunicação. Realizado em Teresina, o seminário marcou ainda a conclusão do projeto Comunicação para o Desenvolvimento Local, com cursos de extensão universitária, chancelado pela Universidade Estadual do Piauí, que capacitou 550 comunicadores populares, de setembro de 2007 a julho de 2008.

Durante a programação, Alexandre Magno Amorim, Assessor de Comunicação do UNICEF, apresentou a experiência da instituição na mobilização dos radialistas por meio da Comunicação e Educação, no painel de debate “Comunicação e educação para uma cidadania crítica”. Durante a exposição, foi enfatizada a atuação do UNICEF no Brasil e no Semi-árido e os projetos “Rádio pela Infância” e a “Rede de Radialistas Amigos e Amigas da Infância”. As duas experiências beneficiam, principalmente, radialistas comunitários.

Em todas as mesas e painéis, foi enfatizada, pelos palestrantes, a importância de fazer da notícia a grande protagonista da programação das rádios locais, sejam elas comerciais ou comunitárias, como forma a incentivar o desenvolvimento local. “Não é preciso a negação completa da grande mídia. É importante reconhecer as diferenças e ocupar as lacunas presentes”, afirmou Cicília Peruzzo, Doutora em Ciências da Comunicação.

© UNICEF/BRZ/Emanuelle Lobo
Alisson Guimarães, radialista de 12 anos, falando do seu programa.

Voz local e adolescente em destaque
Uma nova programação, que dê preferência aos artistas e cultura local, que trate das informações da comunidade, foi um assunto bastante discutido e também o pontapé para reformulação de algumas programações. Alisson Guimarães, radialista de 12 anos, começou no rádio a convite de um amigo, com um programa direcionado totalmente à música brega. Depois do curso “Comunicação e Desenvolvimento Local” e do seminário homônimo, o adolescente está dando um novo formato para o seu programa. “Eu inseri outros tipos de músicas, mais informações, um maior número de ligações, para aumentar a participação”, contou Alisson.

Para os comunicadores, o seminário foi uma oportunidade importante para pensar e discutir novas formas de comunicar, por meio do rádio, envolvendo a população, com foco na cidadania. Para Zezinho Vieira, radialista de Paulistana (PI), o comunicador de hoje tem obrigação de “dar voz” a população. “O comunicador de hoje não tem mais aquela mentalidade de estar só informando. Temos que dar oportunidade ao nosso ouvinte, para que ele possa participar e fazer junto conosco o programa”.

A radialista Lú Dantas, que participa também das atividades do Selo UNICEF no seu município, orientando crianças e adolescentes na área da comunicação, destaca a importância da programação infantil no rádio e para o desenvolvimento local. “Eu acho de extrema necessidade fazer esse trabalho na área social, educativa, colocando a criança e o adolescente no alto do pódio, para que eles se sintam responsáveis e donos da situação. É para ele, por ele e com ele que as coisas têm de acontecer no município e no rádio”.

 

 
unite for children