Imprensa

Notícias

Notícias de 2013

Notícias de 2012

Notícias de 2011

Notícias de 2010

Notícias sobre o Haiti

Notícias de 2009

Notícias de 2008

Notícias de 2007

Concurso Adobe Youth Voices Aspire Awards UNICEF Challenge

Concurso infanto-juvenil de vídeos de um minuto

Materiais para radialistas

Dia Internacional da Criança no Rádio e na TV

Discursos do Representante do UNICEF no Brasil

Artigos

Outros discursos

Expresso 227

Contatos

 

Ações de agências da ONU no Brasil ressaltam a importância do legado social dos Jogos Pan-americanos

Objetivos do Milênio permeiam atividades do Pan e do legado social

Brasília 11 de julho – As agências da Organização das Nações Unidas (ONU) no Brasil vêm trabalhando com a sociedade civil e os setores público e privado em ações ligadas ao legado social dos Jogos Pan-americanos. Um dos pilares das ações envolve os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), um conjunto de oito metas que deverão ser alcançadas pelos países até o ano de 2015, por meio de ações concretas dos governos, das empresas e da sociedade.

Estande da ONU no Pan
Durante os Jogos Pan-americanos e os Jogos Para-Pan-americanos, haverá um estande da ONU de 100m na Vila Pan-americana. Lá serão divulgadas publicações das agências, inclusive sobre os ODM, bem como os trabalhos voltados ao tema. O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) realizou treinamento de 25 “guias cívicos” – jovens de comunidades de baixa renda do Rio de Janeiro – para informar os atletas sobre o que são os ODM e oferecer informações gerais sobre os jogos e sobre a cidade do Rio de Janeiro.

Nas ações sobre esporte e desenvolvimento sustentável, a Organização das Nações Unidas para a Ciência e Educação (Unesco) fará hoje às 16h no estande da ONU o lançamento de campanha para que o Brasil assine a Convenção da ONU sobre Doping. O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) terá palestra da ex-jogadora de vôlei Ana Moser sobre o projeto Caravana do Esporte na segunda-feira 17 de julho. Na mesma data, o Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime (UNODC) lançará no Brasil o Fundo Mundial para o Esporte (Global Sport Fund) como prevenção às drogas e ao crime, uma parceria com o Comitê Olímpico do Qatar.

Além do estande na Vila, há diversas ações das agências em apoio à saúde e ao desenvolvimento. A Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres (SPM), o Programa Nacional de DST e Aids, do Ministério da Saúde, em conjunto com o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), o Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher (UNIFEM) e o UNICEF terão ações da Campanha contra a Feminização da Aids, na orla de Copacabana, na manhã de sábado 14 de julho. Ministério da Saúde, UNFPA e UNICEF também terão ações de prevenção ao HIV/aids para atletas e jovens em um estande no Barra Shopping, na zona oeste da capital fluminense, durante todo o período dos Jogos. Já a Organização Internacional do Trabalho (OIT) realiza projetos com a ONG Observatório de Favelas em ações do legado social do Pan.

Para a Coordenadora Residente da ONU no Brasil, Sra. Kim Bolduc, o Pan mostra a força da atuação conjunta da sociedade civil, governo e empresas no Brasil. “Cremos que o esporte é um instrumento criativo e eficaz no caminho para o desenvolvimento humano e para a integração da sociedade. Por isso, no trabalho das 18 agências da ONU no Brasil, ressaltamos a importância de associar o legado social do Pan aos Objetivos do Milênio e à redução da desigualdade.”

Mais informações:
Valeria Schilling
Centro de Informação da ONU no Brasil
UNIC –Rio de Janeiro
valeria@unicrio.org.br
Tel: 21 2253 2211

 

 
unite for children