Nossas prioridades

Infância e adolescência no Brasil

Sobreviver e se desenvolver

Aprender

Proteger(-se) do HIV/aids

Crescer sem violência

Ser prioridade absoluta nas políticas públicas

Adolescentes

Raça e etnia

Esportes e lazer

Cooperação Sul-Sul Horizontal

Lista das instituições apoiadas pelo UNICEF

 

Unidos com as crianças e os adolescentes – Unidos vamos vencer a aids!

Estima-se que, em todo o mundo, cerca de 2,3 milhões de crianças e adolescentes com até 15 anos de idade vivam com o HIV. No Brasil, calcula-se que esse número chegue a 21 mil crianças. A campanha global Unidos com as crianças e os adolescentes – Unidos vamos vencer a aids! foi criada justamente para dar uma resposta para o número crescente de casos entre crianças e adolescentes.

A campanha busca ampliar o acesso às informações necessárias para que os jovens protejam-se do HIV, aos meios de prevenção do HIV/aids e aos medicamentos. Além disso, no Brasil, defende que, a partir de 2008, a transmissão vertical (aquela que acontece da mãe para o bebê durante a gestação, o parto e a amamentação) chegue a muito próximo de zero.

Para garantir a cobertura universal do tratamento ao HIV no Brasil, o UNICEF intermediou a compra, realizada pelo Ministério da Saúde brasileiro, de cerca de 17 milhões de comprimidos do anti-retroviral genéricos Efavirenz. O medicamento beneficia cerca de 75 mil brasileiros, entre eles, crianças e adolescentes que vivem com o HIV.

Lançada em outubro de 2005, em Nova Iorque, Unidos com as crianças e os adolescentes – Unidos vamos vencer a aids! é parte de uma aliança mundial do UNICEF com o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/aids (UNAIDS) e governos nacionais. Além de criar parcerias e estimular a participação de crianças e adolescentes, as ações da campanha apóiam-se em quatro prioridades:
• A prevenção da transmissão vertical;
• A garantia do tratamento pediátrico;
• A proteção, cuidado e apoio a crianças e adolescentes afetados pelo HIV;
• A prevenção, informação, habilidades, serviços para adolescentes e jovens.


 

 

 
unite for children